Acorda Cidade - Dilton Coutinho

25 de Outubro de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Feira de Santana

Todas as notícias
Publicado em 16/10/2020 12h29.

Sindicato dos Bancários protesta contra demissões e fechamento de agências em Feira de Santana

O Bradesco da Avenida Senhor dos Passos é uma das agências que vai fechar.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Sindicato dos Bancários protesta contra demissões e fechamento de agências em Feira de Santana
Foto: Ed Santos/Acorda Cidade (Arquivo)

Rachel Pinto

O Sindicato dos Bancários de Feira de Santana, em apoio ao Dia Nacional de Luta contra as demissões nos bancos privados que foi celebrado ontem (15), também está se manifestando contra o fechamento de agências na cidade, bem como o atendimento ruim que está sendo oferecido aos clientes em virtude da redução de bancários dos seus postos de trabalho.

Sandra Freitas, presidente da instituição, informou ao Acorda Cidade que os bancos Santander, Itaú e Bradesco lucraram apenas no primeiro semestre de 2020, 20 bilhões de reais e mesmo com tantos lucros demitem os funcionários. Além disso, ela frisou que para piorar a situação, o banco Bradesco e o banco Santander acabaram com a função de caixa no interior das agências.

Foto: Paulo José/Acorda Cidade

“O fechamento de agências que vai refletir em mais demissões e piorar o atendimento. O Bradesco da Avenida Senhor dos Passos (antigo HSBC) vai fechar, assim como a agência menor do Itaú da Rua Conselheiro Franco. Em 15 dias, até ontem, o Bradesco demitiu 10 funcionários e o Santander de junho até agora já demitiu 8. O Itaú já demitiu 2 funcionários e então nós temos 20 bancários a menos só da rede privada em Feira de Santana”, contou.

A sindicalista observou que no início do ano, o Banco do Brasil, a Caixa Econômica Federal e o Banco do Nordeste fizeram os seus planos de demissão voluntária e houve uma redução de aproximadamente 30 bancários.

“Isso quer dizer que quase 10% da categoria foi reduzida esse ano, em torno de 50 bancários já foram eliminados dos postos de trabalho, só em Feira de Santana. Isso reflete nas grandes filas das agências”, comentou.

De acordo com Sandra Freitas, os clientes podem denunciar o mau atendimento das agências bancárias através do telefone 145, do Banco Central.

Com informações do repórter Paulo José do Acorda Cidade.
 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Advogada destaca benefícios assistenciais para mulheres com câncer
Outubro Rosa

Advogada destaca benefícios assistenciais para mulheres com câncer

Existem leis específicas para mulheres acometidas com câncer de mama ou colo uterino.

Força-tarefa combate coronavírus no Centro de Abastecimento
Feira de Santana

Força-tarefa combate coronavírus no Centro de Abastecimento

Para realizar a limpeza e desinfecção serão utilizados 10 mil litros de hipoclorito na lavagem das instala...

Saúde do trabalhador: reduz em 90% monitoramento do Cerest em empresas durante a pandemia
Feira de Santana

Saúde do trabalhador: reduz em 90% monitoramento do Cerest em empresas durante a pandemia

São observados o distanciamento entre funcionários, higiene dos ambientes, utilização dos equipamentos de ...

Vídeo

Entrevista com a candidata a prefeita de Feira de Santana, Marcela Prest (PSOL) Veja mais Vídeos ›

Podcast

Entrevista com a candidata a prefeita de Feira de Santana, Marcela Prest (PSOL)
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram