Acorda Cidade - Dilton Coutinho

19 de Setembro de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Política

Todas as notícias
Publicado em 05/08/2020 15h11.

Requerimentos que cobram informações sobre o combate à covid-19 são reprovados na Câmara de Feira de Santana

O vereador Roberto Tourinho apresentou dois requerimentos cobrando esclarecimentos da prefeitura sobre as ações de combate ao coronavírus no município.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Requerimentos que cobram informações sobre o combate à covid-19 são reprovados na Câmara de Feira de Santana
Foto: Reprodução

Acorda Cidade

Feira de Santana é a segunda cidade baiana com mais casos de covid-19. Segundo o último boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde, divulgado nesta terça-feira (04), o município registra 7.430 testes positivos e 149 mortes. Na sessão ordinária desta quarta-feira (5) da Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Roberto Tourinho apresentou dois requerimentos cobrando esclarecimentos da prefeitura sobre as ações de combate ao coronavírus no município.

“A prefeitura anunciou, entre abril e maio, que havia adquirido 15 mil testes. Depois disso, nenhuma nova informação sobre a aquisição de testes foi divulgada”, pontuou. “Existe uma preocupação muito grande quanto às subnotificações. O que estamos perguntando ao prefeito Colbert Martins é: quantos testes o município adquiriu até o presente momento e quais valores foram gastos com esses testes?”, questionou o edil durante pronunciamento.

Outro requerimento apresentado pelo parlamentar na sessão pedia informações da prefeitura sobre a aplicação dos recursos recebidos para combate à covid-19. “A prefeitura já recebeu o valor correspondente a mais 59 milhões para essas ações. Só no Mater Dei, por um período de 90 dias, a prefeitura vai gastar 10 milhões de reais. Isso significa que, caso esse período seja prorrogado para 180 dias, o município vai gastar metade do que foi gasto com a construção do Hospital Geral Clériston 2, que vai servir à população por anos e não meses? Algo está errado. A população precisa ter acesso a essas informações”, ressaltou.

Apesar da necessidade de transparência na gestão de recursos no enfrentamento à pandemia, os requerimentos foram reprovados pela maioria dos edis, especialmente pelos vereadores da bancada do governo.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Com estádios de futebol e academias abertas, arenas esportivas deveriam funcionar, sugere vereador
Feira de Santana

Com estádios de futebol e academias abertas, arenas esportivas deveriam funcionar, sugere vereador

Em discurso na Câmara nesta terça (15) ele disse que a suspensão de atividades nesses equipamentos, em espe...

Vereador sugere retorno de faculdades: 'Onde tem mais gente, sala de pós-graduação ou Feiraguay?'
Feira de Santana

Vereador sugere retorno de faculdades: 'Onde tem mais gente, sala de pós-graduação ou Feiraguay?'

Ele entende que a população adulta que frequenta essas unidades de ensino superior tem consciência de que p...

STF declara inconstitucional a impressão do voto pela urna eletrônica
Política

STF declara inconstitucional a impressão do voto pela urna eletrônica

Minirreforma eleitoral de 2015 previa a impressão do comprovante

Vídeo

Força-tarefa remove cerca de 30 barracas nesta quinta-feira (17) em Feira de Santana Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram