Acorda Cidade - Dilton Coutinho

25 de Outubro de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Ciência e Tecnologia

Todas as notícias
Publicado em 14/07/2020 08h31.

Como vai funcionar o app europeu de controle de pessoas nas fronteiras

O estudo, portanto, mostra que aplicativos trabalhando juntos podem ser aliados de pesquisadores e especialistas na hora de mapear casos de corona
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra

Acorda Cidade

Um ponto de interrogação importante associado aos aplicativos nacionais de rastreamento de contatos com coronavírus é se eles funcionarão quando os cidadãos de um país viajarem para outro. Questões como essa aparecem no estudo do site Saúde Lab sobre a pandemia que já matou mais de 50 mil pessoas no Brasil.

Segundo o estudo, a intenção é trabalhar em conjunto para que diferentes aplicativos possam compartilhar um mínimo de dados para permitir que as notificações de exposição continuem fluindo à medida que os europeus viajam pela região.

O estudo, portanto, mostra que aplicativos trabalhando juntos podem ser aliados de pesquisadores e especialistas na hora de mapear casos de corona

O uso de vários aplicativos durante a viagem pode complicar ainda mais uma tecnologia não comprovada, que busca redirecionar componentes padrão de smartphone para estimar a exposição viral - uma tarefa para a qual nossos dispositivos móveis nunca foram destinados.

Na Europa, onde vários países estão trabalhando em aplicativos para smartphones que usam rádios Bluetooth para tentar automatizar algum rastreamento de contato, detectando a proximidade do dispositivo, o desafio é ainda maior, uma vez que a região é atravessada por fronteiras.

A Comissão Europeia tem focado a atenção no apoio ao setor de turismo durante a crise dos coronavírus - propondo pacotes de turismo e transporte a diminuição gradual das restrições. Vale lembrar que essa é a época do verão no continente, quando as pessoas aproveitam para viajar e aproveitar as altas temperaturas.

Quando os europeus intensificarem suas viagens novamente, a eficácia de qualquer aplicativo nacional de rastreamento de contatos poderá ser prejudicada se os sistemas não puderem se comunicar.
Na União Europeia, isso pode significar, por exemplo, um cidadão francês que viaja para a Alemanha em uma viagem de negócios - onde passa um tempo com uma pessoa que posteriormente obtém um resultado positivo para covid - pode não ser avisado do risco de exposição.

Existem questões muito mais amplas sobre a utilidade do rastreamento digital de contatos na luta contra o coronavírus. Neste momento, a tecnologia deve ser aliada no combate à doença, ainda que muitas perguntas possam ficaer em aberto.


 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Rede de Museus da Uefs participa da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia
Feira de Santana

Rede de Museus da Uefs participa da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

A Remus é formada pelo Museu Antares de Ciência e Tecnologia; Museu Casa do Sertão; Museu Regional de Arte ...

Internacional

EUA convidam Brasil para integrar o programa espacial Artemis

Projeto pretende levar mulher à lua em 2024.

Com 3 mil atividades, começa a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia
Em todo o Brasil

Com 3 mil atividades, começa a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

Neste ano, a SNCT terá como tema Inteligência Artificial: a nova fronteira da ciência brasileira.

Vídeo

Entrevista com a candidata a prefeita de Feira de Santana, Marcela Prest (PSOL) Veja mais Vídeos ›

Podcast

Entrevista com a candidata a prefeita de Feira de Santana, Marcela Prest (PSOL)
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram