Acorda Cidade - Dilton Coutinho

06 de Junho de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Bahia

Todas as notícias
Publicado em 22/05/2020 08h34.

Tele Coronavírus já atendeu a mais de 40 mil pessoas

Com apoio de 40 colaboradores da rede SAC na recepção das ligações, cidadãos recebem orientação de saúde gratuitamente através do 155
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Tele Coronavírus já atendeu a mais de 40 mil pessoas
Foto: Divulgação

Acorda Cidade

Dores pelo corpo e diarreia. Ao perceber esses sintomas, o comerciante Luciano Ribeiro, 39, receoso de ter contraído o coronavírus, não hesitou e buscou informações através do Tele Coronavírus. “Gostei muito do serviço. Após o atendimento inicial, eu fui transferido para uma médica, que ouviu minhas queixas e fez vários questionamentos para depois me tranquilizar de que os sintomas não eram suficientes para eu ter contraído o coronavírus”, relatou.

Ribeiro foi uma das mais de 40 mil pessoas que já utilizaram o serviço desde que foi implantado, no dia 3 de abril. O Tele Coronavírus é um serviço gratuito que coloca a população em contato direto com profissionais voluntários da área de saúde, por meio do número 155. O objetivo principal é orientar o cidadão em caso de dúvida sobre a Covid-19.

A estrutura de atendimento, composta por 40 colaboradores da rede SAC, está montada no Centro de Operações e Inteligência da Secretaria de Segurança Pública (COI), no Centro Administrativo da Bahia. (CAB). Para o atendente Lucas Gênesis, 28, que atua normalmente no SAC Barra, a nova experiência está sendo muito relevante pela nobreza do motivo. “Poder ajudar as pessoas a tomarem as melhores providências diante dessa pandemia é algo muito gratificante”, exaltou.

Os atendentes recepcionam as ligações e fazem uma triagem, aplicando um questionário desenvolvido pela Secretaria da Saúde (Sesab) e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz/Bahia). Na sequência, transferem para um dos 1 mil estudantes de medicina que participam voluntariamente do projeto. A coordenadora da equipe de atendentes, Ingredy Gaspar, acredita que essa modalidade traz comodidade e segurança ao cidadão. “Assim, a gente evita deslocamentos desnecessários e riscos de contaminações, colaborando com o achatamento da curva de progressão da doença”, ressaltou.

Vale destacar que a expertise dos colaboradores da Rede SAC também está sendo utilizada para fazer levantamentos estatísticos sobre o atendimento, registrando dados como quantidade de ligações, além de tempo médio de atendimento e de espera.

Idealizado pela Universidade Federal da Bahia (UFBa) e Fiocruz Bahia, o Tele Coronavírus recebeu apoio do Governo do Estado, por meio da Sesab, e da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), do Planejamento (Seplan), da Segurança Pública (SSP), da Administração (Saeb) e de Infraestrutura (Seinfra).

Também aderiram à ação as quatro universidades estaduais (Uneb, Uesc, Uefs e Uesb), a Escola Bahiana de Medicina, a FTC Salvador, a Unifacs, a Unime, a UFRB e a Fesftech, esta última responsável pelo desenvolvimento de uma plataforma que é alimentada pelos voluntários.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Bahia

Mais 17 cidades baianas têm transporte suspenso; total chega a 310

A decisão foi publicada neste sábado (6), em decreto no Diário Oficial do Estado (DOE), que também autoriz...

Hospital de Campanha Arena Fonte Nova batiza UTIs com nomes de jogadores
Bahia

Hospital de Campanha Arena Fonte Nova batiza UTIs com nomes de jogadores

As quatro alas de Terapia Intensiva, que totalizam 100 leitos de UTI, serão batizadas com nomes de jogadores ...

Bahia

Exame confirma que corpo enterrado por engano é da mulher que morreu de Covid-19 em hospital de Salvador, diz família

Caso aconteceu no Hospital Espanhol. Família já suspeitava que a diarista Arlete Santos tinha sido enterrada...

Vídeo

Coletiva sobre ações da prefeitura para preservação do meio ambiente Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram