Acorda Cidade - Dilton Coutinho

06 de Junho de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Entrevista

Todas as notícias
Publicado em 17/04/2020 14h38.

Superintendente da Caixa em Feira tira dúvidas e destaca que não é necessário se dirigir as agências

Ele esclareceu algumas dúvidas sobre o auxílio emergencial.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Superintendente da Caixa em Feira tira dúvidas e destaca que não é necessário se dirigir as agências
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

Acorda Cidade

O governo federal começou a pagar o auxílio emergencial na última semana e diversas são as dúvidas sobre o assunto. Para esclarecer algumas delas, ouvimos o superintendente da Caixa em Feira de Santana, Ismael Boaventura. Confira na íntegra:

AC: Quem já recebeu o auxílio emergencial do governo e quem vai receber?

Ismael Boaventura: A Caixa iniciou o pagamento no dia 09 de Abril aos beneficiários do Cadastro Único e que ainda não recebem o Bolsa Família, as pessoas que já possuíam Conta Poupança na Caixa ou Conta Corrente no Banco do Brasil, receberam o crédito em conta no dia 09 de Abril. Iniciamos nesta semana, no dia 14, creditamos 500 mil pessoas para abertura de Poupança Digital nascidos no mês de Janeiro e enviamos mais 270 mil créditos para as pessoas que possuíam contas no Banco do Brasil, o público são os inscritos no CadÚnico que não possuem Bolsa Família. Já no dia 15, creditamos um milhão e seiscentos mil pessoas do CadÚnico que não tem Bolsa Família nascidos em Fevereiro, Março e Abril. Dia 16 creditamos na Poupança Digital dois milhões, duzentos e oitenta mil pessoas nascidos em Maio, Junho, Julho e Agosto e hoje, dia 17 creditaremos dois milhões de pessoas do CadÚinco sem Bolsa Família, nascidos em Setembro, Outubro, Novembro e Dezembro.

Acorda Cidade: A distribuição está transcorrendo de forma tranquila, ou tem tido problemas?

Ismael Boaventura: A Caixa montou uma operação muito grandiosa, é o maior pagamento feito na história, não só do Brasil, mas de qualquer país para uma quantidade de milhões de pessoas e toda essa estrutura foi pensada para ser feita de forma digital em razão de proteger as próprias pessoas, a sociedade, os colaboradores do risco de contaminação com a Covid-19. Se fossemos fazer o atendimento de forma presencial, aquilo que veio para auxiliar as pessoas, em razão de todo o isolamento social que trouxe a dificuldade das pessoas exercerem suas atividades econômicas, seriam prejudicados com uma potencialização do risco de contaminação, então foi necessário desenvolver uma estratégia de pagamento, de abertura de conta digital e junto com isso, estamos fazendo o maior programa de bancarização da história, talvez até mundial, em um espaço de tempo tão curto, já abrimos mais de seis milhões e seiscentas mil contas de poupança digitais nesta semana, e a expectativa é atingir mais de trinta milhões de poupança digitais. Toda a operação é complexa, ela requer regras do governo que estão previstas em lei, essa lei precisa ser cumprida com muito cuidado. As pessoas que estão cadastradas no CadÚnico ou aquelas que se inscreveram através do App, precisa ser verificado, o batimento dessas regras de negócio junto com o Ministério da Cidadania e a Caixa recebe de volta o resultado desse cadastro com a informação se a pessoa está aprovada, elegida para o auxílio, ou não. Estando, a Caixa segue os protocolos de pagamento. Os problemas que estamos enfrentando, é que as pessoas estão também tendo o primeiro contato com a nova forma de ser atendida onde ela não encontra esse atendimento nas agências, todo modelo foi pensado, por que? As agências estão proibidas de prestarem atendimentos presenciais que não sejam aqueles previstos em Lei Federal e todos os bancos estão tendo que seguir.

AC: Por que aparecem para cadastrados no cadúnico para aguardar análise, e quanto tempo dura essa análise?

Ismael Boaventura: Este é um dos principais motivos que as pessoas estão com ansiedade e elas buscam as agências da Caixa, mas como falei, ao chegar na agência, não terá atendimento porque nós não temos acesso nas unidades a estas informações, o modelo prevê que ao recebermos da DataPrev o cadastro das pessoas que foram aprovadas, essas informações irão para o App Caixa Auxílio Emergencial e para o Site, e somente nestes locais que o beneficiário poderá ter resposta a sua pergunta, a sua consulta. O tempo estimado é de cinco dias úteis a partir da liberação de cada público a ser pago. Nós iniciamos com o público cadastrado no CadÚnico, que não recebe o Bolsa Família.

AC: Essas filas enormes na Caixa em Feira e no Brasil, tem justificativa, ou são frutos de falta de informação?

Ismael Boaventura: Não adianta se direcionar para uma agência da Caixa para obter informações sobre aprovações, as agências da Caixa, estão por força dos protocolos do Covid-19 que visa a preservação da saúde pública em medidas de prestarem esse tipo de informação, eles são prestados através do App. Mesmo o público do CadÚnico que não recebe Bolsa Família, que não precisou se inscrever através do App, não precisou fazer o cadastro, mas no App ele vai saber a resposta, pois já se tinha o cadastro no CadÚnico através da prefeitura, então não há justificativa para ter essas filas. Hoje temos uma fila grande em razão do espaçamento que as pessoas precisam fazer uma das outras.

AC: Tem funcionários na Caixa orientando sobre isso?

Ismael Boaventura: Todos os dias no início da manhã, nossos funcionários que também estão trabalhando em contingência seguindo os protocolos da prevenção a contaminação do Covid-19, elas passam essas orientações nas filas, estas mesmas informações que estou passando aqui, as pessoas devem acessar o App e aguardar a resposta enquanto aparecer “Aguardando Análise”, não há nada que tenha que ser feito, tem que aguardar e essa informação não vai mudando durante o dia, é de um dia para o outro, como por exemplo: fez uma consulta hoje e mostra aguardando análise, volta amanhã para verificar novamente porque os processamentos acontecem a noite, não adianta verificar o App várias vezes ao dia, porque aumenta a ansiedade e isso não muda a resposta.

AC: Por que as pessoas que não possuem conta no BB, estão sendo direcionadas para receberem lá, e como sacar o dinheiro nestes casos?

Ismael Boaventura: Esta foi uma situação atípica que aconteceu com um grupo menor de pessoas no dia 14, quando da liberação do primeiro lote que veio junto para um grupo de pessoas, informando que eram correntistas do BB, essa informação ficou no App e aproximadamente 02 horas depois, essa situação foi corrigida e a informação passou a ser colocada de forma correta para essas pessoas. E outras, eram pessoas que estavam aprovadas e que a Caixa fez a abertura da Poupança Digital.

AC: Como usar a poupança digital?

Ismael Boaventura: Ao receber a resposta no aplicativo de que ele foi aprovado e que foi aberta uma conta de poupança digital, já terá, ali mesmo, uma orientação para que a pessoa baixe um outro aplicativo, que é o aplicativo de Mobile Bank, aplicativo de movimentação, de contas pelo celular, chamado “Caixa Tem”. Eu movimento a minha conta pelo aplicativo do banco, todas as pessoas que possuem contas bancárias também hoje utilizam o aplicativo para movimentar as suas contas, independente do banco. Esse aplicativo reúne todas as informações e serviços prestados pela Caixa. FGTS, PIS, Seguro Desemprego e a conta digital. A Conta de Poupança Digital é onde a pessoa vai conseguir pagar contas, conta de água, energia, boletos bancários, vai poder fazer transferência para sua conta, caso tenha uma conta bancária em outro banco ou na própria Caixa, ele pode fazer a transferência sem nenhum custo, totalmente gratuito e movimentar com aquele cartão. Ele pode ir na padaria, no mercadinho do bairro, fazer a compra, conversar com o proprietário e já transferir para a conta do proprietário pelo próprio aplicativo pagando sua compra. Ele tem uma facilidade imensa. Inclusive, algumas pessoas, caso não tenha conta bancária e quiser sacar o dinheiro de imediato, pode transferir o recurso para a conta do filho, do irmão, da esposa, algum parente que tenha uma conta bancária em qualquer instituição. Transfere o dinheiro e a pessoa saca pra ele, de forma segura, sem necessidade de pegar filas, sem necessidade de expor a saúde.

AC: Como as agências estão se preparando para receber o público com o pagamento em dinheiro a partir do dia 27?

Ismael Boaventura: A partir do dia 27, vamos fazer o atendimento exclusivo na sala de atendimento. Para aquelas pessoas que não tenham utilizado seus recursos através do pagamento de contas, transferência para outra conta corrente ou conta de poupança que tenha ou de algum parente, amigo que possa já ter adiantado esse saque junto com a pessoa, a pessoa através do próprio aplicativo, “Caixa Tem”, é necessário o aplicativo de movimentação, terá uma funcionalidade, de fazer saque no caixa eletrônico. Essa funcionalidade, ficará disponível conforme a data de nascimento dele a partir do dia 27 de abril. Ele vai no aplicativo, ativa, informa que deseja fazer um saque e vai gerar uma numeração, ela vai até o caixa eletrônico, digita o CPF, vai digitar o código e vai digitar o que deseja sacar e o caixa eletrônico liberará o dinheiro para.

AC: Qual a data de liberação do benefício para MEI?

Ismael Boaventura: Os Micro Empreendedores Individuais (MEI), eles também são público-alvo independente deles terem feito o cadastro pelo aplicativo ou ele pode ser um MEI e ter um Cad-Único porque ele fez um cadastro no passado e hoje ele é um MEI. Ele pode ter esse cadastro, se feito os batimentos pelas regras legais previstas, ele foi elegido e ele receberá o benefício também. Acredito que a pergunta tenha o propósito de saber sobre as pessoas que se inscreveram através do aplicativo que não estão inscritos no Cad-Único. Então, estas pessoas, a Caixa está recebendo e processando o primeiro lote com liberação prevista e se tudo der certo, ainda esta semana.

Leia também

Saque em dinheiro do auxílio emergencial começa dia 27

Beneficiários do auxílio emergencial formam longa fila em frente à Caixa, mas pagamento em dinheiro começa dia 27

 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Dayane Pimentel diz que Bolsonaro mente e engana a população na frente das câmeras
Política

Dayane Pimentel diz que Bolsonaro mente e engana a população na frente das câmeras

Pimentel disse que o presidente mudou muito de 2019 para cá.

Médica reumatologista tira dúvidas sobre os perigos do coronavírus para quem tem baixa imunidade
Saúde

Médica reumatologista tira dúvidas sobre os perigos do coronavírus para quem tem baixa imunidade

Para esclarecer se essas pessoas precisam realmente de cuidados a mais e tirar outras dúvidas sobre o assunto...

Infectologista explica como acontece contágio pelo coronavírus e quais as medidas de prevenção
Saúde

Infectologista explica como acontece contágio pelo coronavírus e quais as medidas de prevenção

A epidemia tem deixado o planeta em estado de alerta e as pessoas em busca de informações sobre como se prot...

Vídeo

Coletiva sobre ações da prefeitura para preservação do meio ambiente Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram