Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • Fique em casa PMFS
  • SECOM 2
  • SECOM BAHIA CONTRA CORONAVIRUS
10 de Abril de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Dom Itamar Vian

Todas as notícias
Publicado em 16/03/2020 09h12.

Remédio milagroso

A água é um bem natural que precisa de cuidados.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra

A Assembléia Geral das Nações Unidas – ONU - fixou o dia 22 de março de cada ano, como o Dia Mundial das Águas. A água é um bem natural que precisa de cuidados. É a vida do mundo. É o “sangue” e a “seiva” do planeta terra. É uma doação gratuita da natureza. É um “remédio” milagroso.

OS MEIOS de comunicação trazem, diariamente, atentados contra a água. Muitos rios se tornaram esgotos a céu aberto. Outros, ainda em estado razoável, recebem resíduos industriais tóxicos. Vemos rios e lagos, com toneladas de peixes mortos. As matas, que protegem as nascentes, são dizimadas. E, no dia-a-dia, desperdiçamos a água de maneira irresponsável. A escassez de água avança em, praticamente, todas as regiões do mundo.

A SAÚDE depende da água. A maioria das doenças do planeta é causada por águas impróprias para o consumo humano. Milhares de leitos de hospitais do mundo estão ocupados por pacientes afetados por enfermidades relacionadas com a água. A cada ano, morrem mais de dois milhões de pessoas por doenças causadas por água contaminada. É impossível ter saúde sem água potável.

A ÁGUA é um serviço essencial de responsabilidade do Estado. É dever do Estado garantir água de qualidade para todos e cuidar da manutenção das fontes. A água nunca pode ser um produto do mercado regulado pela oferta e procura, ou artigo de forte influência econômica e política. Por isso, é muito perigoso o poder de quem controla rios, lagoas e recursos hídricos.

NA BATALHA pela água, é necessário mobilizar duas frentes. Os poderes públicos precisam criar e executar políticas públicas adequadas ao problema. Outra parte da obrigação é nossa, é de cada cidadão, de cada habitante da Terra. O muito se faz com o pouco de cada um. Isto significa garantir a vida, a saúde e o próprio futuro da humanidade.

O DIA Mundial das águas abre, portanto um bom espaço para pensar a água na sua realidade de vida e de morte. Morte quando contaminada e quando expressão dos poderes do mal. Vida física, quando preservada, cuidada e bem administrada. Vida espiritual na simbologia religiosa. Conforme diz a Escritura: “Do seu seio jorrarão rios de água viva”. (Jo. 7,37). Senhor, dai-nos sempre dessa água!

Dom Itamar Vian
Arcebispo Emérito
[email protected]

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Artigo

Ele morreu por mim

A sepultura conta a história comovente de um soldado que morreu salvando a vida de um amigo.

Artigo

O Viajante Divino

Um viajante passou por ali, olhou o homem no fundo do poço e exortou-o para que fizesse boas obras, que medit...

Artigo

Por que sofremos?

Piores ainda são outros sofrimentos: medo, traição, calúnia, ingratidão, injustiça e solidão.

Vídeo

Prefeito prorroga fechamento do comércio de Feira até dia 13 Veja mais Vídeos ›

Podcast

Zé Neto diz que está preocupado com ações contra a Covid-19 em Feira; Colbert reponde
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram