Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • SECOM CLERISTON
  • Thaiane Pinheiro
31 de Março de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Brasil

Todas as notícias
Publicado em 13/02/2020 16h23.

Mais de 500 mil pessoas saíram da inadimplência em dezembro, revela Serasa Experian

63,3 milhões de brasileiros têm dívidas atrasadas, queda de quase 1% com relação ao mês anterior; representatividade de Bancos e Cartões também reduziu.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra

Acorda Cidade 

São Paulo, 13 de fevereiro de 2020 – O mês de dezembro de 2019 teve uma redução de mais de 500 mil pessoas do quadro de inadimplentes no Brasil. Foram registrados 63,3 milhões de brasileiros com contas em atraso, o que representa 40,5% da população adulta do país, ante os 63,8 milhões de devedores em novembro do mesmo ano. Com relação a dezembro/18, houve crescimento de 1,3%, a menor variação anual de 2019.

A expectativa para 2020 é que haja melhora na economia, com estabilização e eventual redução da inadimplência. “78% dos brasileiros acreditam o Cadastro Positivo irá facilitar o acesso a crédito, já que o sistema passa a incluir todo o histórico de bons pagamentos da pessoa. Este movimento influencia positivamente o consumo e movimentará a economia”, comenta o economista da Serasa Experian, Luiz Rabi.

Contas em atraso com Bancos e Cartões apresentam queda

A representatividade dos Bancos e Cartões no montante de dívidas caiu 0,3 ponto percentual em dezembro com relação a novembro de 2019, chegando a 27,8%. Este é o segmento com o maior volume de pendências financeiras, seguido por Utilities, Varejo, Serviços e Telecom. Confira no gráfico: 

Apenas quatro Estados registram aumento na população inadimplente

O Amazonas teve o maior aumento da população adulta inadimplente entre dezembro/18 e dezembro/19, com variação de 5,3 pontos percentuais – atualmente, 55% daqueles acima de 18 anos no Estado estão com contas atrasadas e negativadas. Na sequência aparece Mato Grosso, cuja alta foi de 3,5 p.p no mesmo período, fazendo com que a localidade fosse a quarta maior na representatividade dos inadimplentes entre os adultos (47,9%). Amapá e Roraima estão em segundo e terceiro lugar, respectivamente, com números acima da média nacional, que é de 40,5%. 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Padre faz transmissão de benção on-line e vira meme com filtros divertidos: 'Acionei sem querer'
Brasil

Padre faz transmissão de benção on-line e vira meme com filtros divertidos: 'Acionei sem querer'

Após gravação, Luiz Cesar Moraes explicou que usou a câmera traseira do celular e, por isso, não viu os e...

Brasil

Barragem de água se rompe em Novo Cruzeiro, em Minas Gerais

Acidente foi a 560 quilômetros de Belo Horizonte. Não houve feridos

Recolhimento do FGTS de domésticos pode ser suspenso por 3 meses
Brasil

Recolhimento do FGTS de domésticos pode ser suspenso por 3 meses

Adiamento do recolhimento faz parte do enfrentamento do coronavírus.

Vídeo

Prefeito Colbert Martins confirma prorrogação de fechamento do comércio Veja mais Vídeos ›

Podcast

Ouça o Programa desta terça-feira 31.03:
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram