Acorda Cidade - Dilton Coutinho

14 de Julho de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Dom Itamar Vian

Todas as notícias
Publicado em 10/02/2020 09h05.

Nem tudo compreendemos

E, mais ainda, o sentido de certas passagens da vida que nos fazem sofrer e afetam a nossa família e a comunidade.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra

Gostaríamos de compreender tudo o que nos acontece. Queremos saber: Por que tantas angústias e medos? Por que tantas mortes de crianças, acidentes...? E, mais ainda, o sentido de certas passagens da vida que nos fazem sofrer e afetam a nossa família e a comunidade.

A MÃE sofrida que leva o filho ao túmulo se pergunta: “Por que ele se foi?”. A esposa, traída, recorda com saudades o namoro carinhoso, feliz e fiel: “Por que tudo se transformou nesse inferno.? Os pais que percebem o filho se desencaminhar na vida: “Onde foi que erramos?. Com todo o sacrifício, o estudante consegue seu diploma. Um acidente o deixa inválido para a profissão desejada: “Qual o sentido disso.”?

CADA UM de nós, durante a vida, se defronta com acontecimentos inexplicáveis. Isso sem falarmos nos acontecimentos externos a nós, como: guerras, fome, desemprego, injustiças... As tragédias também causam muitos sofrimentos. Como explicar tantas doenças e tantos massacres que acontecem no mundo?

NUNCA poderemos compreender a razão de tudo o que nos acontece e que afeta o mundo. Certos fatos só podem ser avaliados após muito tempo, mas, poucas vezes temos uma resposta. Uma coisa é certa: nada acontece por acaso. Tudo tem um sentido para a construção de nossa vida. Os grandes sofrimentos podem ser o caminho para grandes alegrias. Aquilo que nos parecia desespero sem fim, acabará abrindo para nós horizontes de grandes esperanças.

PARECE que nada de bom acontece, sem ser precedido pela cruz e pela provação. As grandes personalidades tiveram que caminhar pela estrada da incompreensão, da dor, antes de sua obra ser reconhecida. Não nos esqueçamos também, que no sofrimento se esconde um grande mistério: ele nos purifica e serve para que ajudemos na purificação dos outros. Nossos sofrimentos se unem ao de Cristo para a salvação do mundo.

A SABEDORIA nos manda guardar tudo no coração, local onde reside a esperança. Guardar silenciosamente, sem lamentar-se da vida. Num dia, os acontecimentos, falarão com clareza sobre seu significado, como falaram a Maria, mãe de Jesus. Somente o dia da Páscoa da ressurreição ofereceu-lhe toda luz necessária para compreender os caminhos incompreensíveis de Deus. Pela cruz chegou à Luz. “E Maria guardava todas essas coisas em seu coração” (Lc 2,51).

Dom Itamar Vian
Arcebispo Emérito
[email protected]

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Artigo

A cura pela amizade

A amizade surge na vida da gente em momentos até inesperados: numa viagem, num comércio, numa grande necessi...

Crônica

Cremação de corpos

O Cristianismo, desde sempre, dedicou muito respeito aos mortos, dando inclusive um passo a mais na compreens...

Artigo

Por que acender velas?

Simeão, homem justo e piedoso, quando Jesus foi apresentado no Templo, disse que Ele seria “a luz para ilumi...

Vídeo

Entrevista especial para Feira de Santana e região Veja mais Vídeos ›

Podcast

Ouça o Programa desta terça-feira 14.07:
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram