Acorda Cidade - Dilton Coutinho

13 de Agosto de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Saúde

Todas as notícias
Publicado em 22/12/2019 08h15.

Cardiologista orienta para cuidados com o coração durante as festas de fim de ano

No Brasil, em média 350 mil pessoas morrem por ano em decorrência de doenças cardiovasculares.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Cardiologista orienta para cuidados com o coração durante as festas de fim de ano
Foto: Divulgação/Ascom | Dr. André Guimarães

Acorda Cidade

Atualizada às 20:20

Os festejos natalinos e de virada do ano estão se aproximando e nesta época é comum sairmos um pouco da nossa rotina. Isso devido às várias confraternizações, reuniões e encontros familiares, costumeiramente fartos de alimentação rica em gorduras e consumo exagerado em bebidas alcoólicas. Além disso, algumas pessoas abandonam as boas práticas como as caminhadas e atividades físicas, o que pode comprometer à saúde já no começo de cada ano por conta dos exageros.

No Brasil, em média 350 mil pessoas morrem por ano em decorrência de doenças cardiovasculares como infartos, derrames e insuficiência cardíaca, segundo dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC). Diante disso, vale um alerta para mantermos o equilíbrio, evitarmos os exageros e garantir a saúde do coração.

A SBC orienta que devemos fazer 30 minutos de caminhada, pelo menos cinco vezes por semana. “Temos que lembrar que precisamos manter os medicamentos de uso contínuo, ingerir bastante água, ainda mais em nosso país, especialmente na região nordeste, que possui um clima quente e temperaturas elevadas. Então, vamos beber bastante água para evitar a desidratação e outros males. É claro que aqueles cardiopatas que possuem quadro de insuficiência cardíaca e que não devem fazer ingesta de grandes quantidades hídricas devem seguir a orientação do seu cardiologista”, orientou André Guimarães, médico cirurgião cardiovascular.

“Outro problema que obviamente devemos evitar é o estresse, tão comum nos dias atuais e que está relacionado com o surgimento de outras doenças, inclusive com o aumento e riscos de doenças cardiovasculares. Então, vamos minimizar a ansiedade e aproveitar esta época natalina, de congregação, onde encontraremos familiares e amigos, período de troca de amor e carinho, sentimentos que estão faltando tanto em nosso dia-a-dia e que muito faz bem ao coração”, informou o médico ressaltando que “tudo que faz bem ao coração, sem sombra de dúvida, ajuda a prevenir doenças e males que possam existir”.

São orientações simples, mas que podem evitar males à saúde do coração. “Estas são as dicas que deixo para os cuidados com a saúde do coração para que possamos neste final de ano aproveitar da melhor forma possível às férias e a presença das pessoas que amamos”.

André Guimarães é membro da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) e Secretário da Sociedade Norte/Nordeste de Cirurgia Cardiovascular (SNCC).

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Imunização

Covid-19: governo do Paraná assina acordo com Rússia sobre vacina

Vacina foi anunciada ontem pelo presidente russo Vladimir Putin

Boletim

Covid-19: Brasil tem 104 mil mortes e 3,16 milhões de casos acumulados

Até o momento, 2.309.477 pessoas já se recuperaram da doença

Mais 40 casos de covid-19 e um óbito registrados em Feira de Santana
Boletim

Mais 40 casos de covid-19 e um óbito registrados em Feira de Santana

Segundo o boletim, 46 pessoas estão hospitalizadas, 380 aguardam resultados de exames.

Vídeo

Maternidade Santa Emília Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram