Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • SECOM CLERISTON
  • SECOM CLERISTON
31 de Março de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Política

Todas as notícias
Publicado em 10/12/2019 07h48.

Bolsonaro nega volta do imposto sindical

O secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho também disse que o governo não cogita a volta do imposto.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Bolsonaro nega volta do imposto sindical
Foto: Reprodução/Twitter

Acorda Cidade

O presidente Jair Bolsonaro usou as redes sociais para negar a volta do imposto sindical. No Twitter, ele explicou que existe, na Câmara dos Deputados, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC-136), de autoria dos parlamentares, que propõe a criação do imposto na Constituição. "Não procede a notícia de que o nosso governo se prepara para a volta do Imposto Sindical", ressaltou o presidente na segunda-feira (9).

Também pelo Twitter, o secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, em resposta à notícia publicada pelo site O Antagonista, disse que o governo não cogita a volta do imposto sindical.  "Não bateu o martelo e nem irá bater nesse sentido; não há hipótese do governo propor retrocesso de volta de compulsoriedade de imposto sindical", escreveu.

Com informações da Agência Brasil.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Twitter apaga publicações de Jair Bolsonaro por violarem regras da rede
Brasil

Twitter apaga publicações de Jair Bolsonaro por violarem regras da rede

Twitter diz que 'expandiu regras para abranger conteúdos que forem eventualmente contra informações de saú...

Senado vota hoje (30) auxílio de R$ 600 para autônomos e informais
Brasil

Senado vota hoje (30) auxílio de R$ 600 para autônomos e informais

Sessão remota está prevista para as 16h.

Guedes diz que, como cidadão, prefere isolamento
Política

Guedes diz que, como cidadão, prefere isolamento

Para ministro, economia não suporta mais de dois meses estagnada.

Vídeo

Prefeito Colbert Martins confirma prorrogação de fechamento do comércio Veja mais Vídeos ›

Podcast

Ouça o Programa desta terça-feira 31.03:
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram