Acorda Cidade - Dilton Coutinho

16 de Dezembro de 2019
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Feira de Santana

Todas as notícias
Publicado em 16/11/2019 14h44.

Prefeitura investiga origem de resíduo despejado em distrito; estima-se que sejam mais de 8 toneladas

Material com forte odor causa coceiras e preocupa moradores
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Prefeitura investiga origem de resíduo despejado em distrito; estima-se que sejam mais de 8 toneladas
Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Andrea Trindade

A Prefeitura Municipal de Feira de Santana está removendo de estradas do Distrito de Maria Quitéria, neste sábado (16), aproximadamente oito toneladas de um material com forte odor que foi despejado nas localidades de Lagoa Grande, Lagoa das Pedras e Estrada de Carro Quebrado. A remoção do resíduo está sendo feito pela empresa Sustentare, responsável pelo serviço de limpeza da cidade. Posteriormente o material será analisado.

Em áudios que circulam nas redes sociais moradores informam que o material é semelhante ao óleo que está sendo retirado de praias do Nordeste, porém, o técnico da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Sérgio Aras, descartou esta hipótese.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

“Ainda não sabemos do que se trata. Só sabemos até agora o que ele não é, ou seja, não é óleo retirado das praias, não é hidrocarboneto porque não tem cheiro específico próximo ao do cheiro do óleo diesel, de gasolina. O município de imediato esteve aqui com toda a equipe técnica da Secretaria de Meio Ambiente e da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, juntamente com o prefeito. A Sustentare é única empresa na região com possibilidade de recepção de resíduos classe 1, porém como o resíduo ainda não está classificado, ela vai remover para um local intermediário”, informou o técnico ao Acorda Cidade.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

O resíduo também é parecido com betume usado em pavimentação de ruas, mas os técnicos também descartaram.

Sérgio informou ainda que o tipo de material será identificado, possivelmente, nas próximas horas e será feita uma raspagem na estrada para reduzir o risco de contaminação, uma vez que o produto despejado pode ser tóxico.

“Será feita uma remediação aqui, que é uma raspagem do que ficou no piso no distrito. Será depositado na área da Sustentare de forma intermediária. Segundo o secretário de Desenvolvimento Urbano, José Pinheiro, são oito toneladas, e a gente tem ideia de que mais três ou quatro toneladas foram espalhados na rodovia, saindo do distrito”, ressaltou Sérgio Aras informando que câmeras de segurança flagraram o veículo que despejou o produto.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

O prefeito Colbert Martins Filho informou ao Acorda Cidade que, segundo as primeiras informações obtidas sobre o ocorrido, uma caçamba bitrem descartou o produto em uma extensão de cerca de seis quilômetros. Ele alerta aos moradores que evitem o contato com o resíduo.

“Estamos investigando do que se trata. É um material com cheiro estranho, muito ruim e está distribuído ao longo de mais de seis quilômetros, em pequenas quantidades, mas há um local com quantidade bem maior que essa que está aqui. Estamos tentando identificar a origem, qual o nível de toxicidade que esse material tem, e dá o destino adequado. Peço que as pessoas daqui de Maria Quitéria evitem manter contato com esse material, inclusive, quem pisar no chão, precisa lavar a sola do calçado. Entre as 13 e 15h da tarde de ontem (15), uma caçamba bitrem de cor vermelha trafegou por essa área. Durante o trajeto uma grande parte deste material foi descartado, e bem mais a diante tem uma parte de descarrego mesmo, com algumas toneladas. É um ato irresponsável”, declarou.

O morador  da Lagoa Grande, Luiz Cláudio, disse que o produto deixou a comunidade preocupada.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

“Todo mundo ficou tenso porque nunca tínhamos visto algo assim, ficamos preocupados e ligamos para os órgãos responsáveis. A prefeitura chegou rapidamente e está realizando o serviço correto. A nossa maior preocupação foi com nossas crianças, já que muitas passam por aqui para irem à escola. Teve uma criança que brincando pegou no produto e irritou a pele, começou a se coçar. O mau cheiro é insuportável. Eu tenho um comércio aqui e passou uma caçamba, caiu um pouquinho aqui e começou o mau cheiro, quando foi mais lá pra frente derramou mais, e lá pra frente tem mais ainda. Não deu pra vê direito que veículo era”, relatou.

O secretário de Comunicação Social Valdomiro Silva também esteve no local acompanhado a comissão de técnicos e representantes da prefeitura e informou que a comunidade pode ficar tranquila porque o material já está sendo retirado.

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade

Fotos: Ed Santos/Acorda Cidade
 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Professor de computação do Ifba cria aplicativo para ajudar entidades carentes
Feira de Santana

Professor de computação do Ifba cria aplicativo para ajudar entidades carentes

O professor lembrou que existem diversas coisas em nossas casas que a gente compra e perde a utilidade e disse...

Associações do Feira Produtiva expõem produções a partir desta segunda, no estacionamento da Prefeitura
Feira de Santana

Associações do Feira Produtiva expõem produções a partir desta segunda, no estacionamento da Prefeitura

Mostrarão, em bancas montadas no estacionamento da Prefeitura, na avenida Getúlio Vargas, as suas produçõe...

Túnel equipado com tubos de LED vai iluminar Getúlio Vargas
Feira de Santana

Túnel equipado com tubos de LED vai iluminar Getúlio Vargas

O equipamento está sendo montado em Feira de Santana pela primeira vez.

Vídeo

Aluno da UFRB é acusado de racismo por recusar documento de docente negra Veja mais Vídeos ›

Podcast

Ouça o Programa desta sexta-feira 13.12:
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram