Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • SECOM
17 de Setembro de 2019
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Dilton e Feito

Todas as notícias
Publicado em 10/09/2019 06h52.

Força-tarefa da Lava Jato em SP denuncia Lula e irmão por corrupção

Executivos da Odebrecht também foram denunciados.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Força-tarefa da Lava Jato em SP denuncia Lula e irmão por corrupção
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Acorda Cidade

agência Brasil - A força-tarefa da Lava Jato em São Paulo denunciou na segunda-feira (9) o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seu irmão, Frei Chico, por corrupção passiva continuada. Emilio e Marcelo Odebrecht, donos da empreiteira Odebrecht, e Alexandrino de Salles Ramos Alencar, ex-diretor da empresa, foram denunciados por corrupção ativa continuada.

Segundo a acusação, entre 2003 e 2015, o irmão de Lula teria recebido mais de R$ 1,13 milhão por meio de pagamentos mensais que variavam de R$ 3 mil a R$ 5 mil em troca de benefícios diversos obtidos pela Odebrecht junto ao governo federal.

De acordo com nota do Ministério Público Federal (MPF), a empresa participava do setor petroquímico e vinha tendo problemas com sindicatos. O MPF sustenta que, desde a década de 1990, o então presidente da companhia, Emilio Odebrecht, teria buscado uma aproximação com Frei Chico, sindicalista do setor, para intermediar o diálogo com os trabalhadores. A companhia era representada nas reuniões por Alexandrino Alencar.

Segundo o MPF, em 2002, com a eleição de Lula, a Odebrecht entendeu por bem rescindir o contrato da consultoria prestada por Frei Chico, mas teria decidido manter uma “mesada” ao irmão do presidente eleito, “visando a manter uma relação favorável aos interesses da companhia”. Os pagamentos teriam começado em janeiro de 2003 e cessaram somente em meados de 2015, com a prisão de Alexandrino pela Lava Jato.

O Ministério Público Federal aponta que a “mesada” era feita de forma oculta, por meio do “Setor de Operações Estruturadas” da Odebrecht, responsável por processar os pagamentos de propina feitos pela companhia. Esses pagamentos ocultos foram, inicialmente, autorizados por Emílio, e foram mantidos por decisão de Marcelo, mesmo com o término do mandato de Lula, em 2010.

Os crimes de corrupção passiva e corrupção ativa têm pena de dois a 12 anos de prisão e multa. Na modalidade continuada, as penas podem ser aumentadas de um sexto a dois terços. Segundo a nota da PGR, se condenados, Lula e Frei Chico poderão receber sentenças de dois anos e quatro meses a 20 anos de prisão.

Procurada, a Odebrecht se manifestou por nota: “A Odebrecht, com atuação ética, íntegra e transparente, tem colaborado com as autoridades de forma permanente e eficaz, em busca do pleno esclarecimento de fatos do passado.”

Cristiano Zanin Martins. advogado de Lula, afirmou também por nota que a denúncia “repete as mesmas e descabidas acusações” já apresentadas em outras ações penais contra o ex-presidente. “Lula jamais ofereceu ao Grupo Odebrecht qualquer ‘pacote de vantagens indevidas', tanto é que a denúncia não descreve e muito menos comprova qualquer ato ilegal praticado pelo ex-presidente”.

O advogado Julio Cesar Fernandes Neves, que atua na defesa de Frei Chico, disse à TV Brasil que "a denúncia é uma calúnia a um inocente, com o objetivo de atingir o Presidente Lula". O advogado afirma queFrei Chico prestava serviços a Odebrecht, mas desde o governo de Fernando Henrique Cardoso (1995 a 2003), o que "comprova que não houve tráfico de influência". Disse ainda que "o delator (Alexandrino) calunia seu cliente com o objetivo claro de levar vantagem em futuras condenações que receba."

Desde abril do ano passado, o ex-presidente Lula cumpre provisoriamente, na Superintendência da Polícia Federal no Paraná, pena de oito anos, 10 meses e 20 dias por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do triplex no Guarujá (SP).

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Vereador diz que regras para Título de Cidadão Feirense estão sendo descumpridas
Câmara Municipal

Vereador diz que regras para Título de Cidadão Feirense estão sendo descumpridas

Um dos exemplos citados por Carlito foi a aprovação do Titulo de Cidadão Feirense ao presidente Jair Bolson...

Governador vai anunciar banca de concurso da PM no #PapoCorreria
Política

Governador vai anunciar banca de concurso da PM no #PapoCorreria

Além de assistir pelo Instagram, Facebook ou Youtube, os internautas podem participar da live enviando pergun...

Edson Borges diz que ideia de levar festejos juninos para o Parque de Exposições está mantida
Feira de Santana

Edson Borges diz que ideia de levar festejos juninos para o Parque de Exposições está mantida

Ele ressalta, entretanto, que a mudança não acaba com a festa nos distritos.

Vídeo

Motocicleta é furtada próximo a Shopping em Feira de Santana Veja mais Vídeos ›

Podcast

Ouça o Programa desta Terça-Feira 17.09 (Parte 01):
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram