Acorda Cidade - Dilton Coutinho

08 de Julho de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Educação

Todas as notícias
Publicado em 06/09/2019 19h09.

Enem 2019: exame será aplicado em menos de dois meses

Avaliação ocorrerá em dois finais de semana de novembro
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Enem 2019: exame será aplicado em menos de dois meses
Foto: Divulgação/ Agência Educa Mais Brasil

Agência Educa Mais Brasil

Com a data de aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) se aproximando – este ano o exame está marcada para os dias 3 e 10 de novembro – além de dar um gás nos estudos, os candidatos devem ficar atentos para algumas questões mais burocráticas da avaliação, como conferir quais os documentos válidos para fazer a prova.

Por esse motivo, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), libera o edital com uma lista de todos os documentos que são aceitos e, também, os que não são aceitos no dia do exame.

Para aqueles que perderam os documentos ou os mesmos foram furtados e não terão como resolver a tempo da prova, precisarão apresentar boletim de ocorrência, expedido por órgão policial há, no máximo, noventa dias do primeiro domingo do exame.

Já quem apresentar a via original do documento oficial de identificação que inviabilize a sua completa identificação, poderá realizar o Enem desde que se submeta à coleta de dado biométrico, de informações pessoais e da assinatura em formulário oferecido pelo aplicador. Neste ano, os documentos de identificação permitidos que estiverem vencidos também serão aceitos para a realização do exame.

Confira a lista dos documentos válidos no Enem 2019

• Cédulas de Identidade expedidas por Secretarias de Segurança Pública, Forças Armadas, Polícia Militar e Polícia Federal;
• Identidade expedida pelo Ministério da Justiça para estrangeiros, inclusive aqueles reconhecidos como refugiados;
• Carteira de Registro Nacional Migratório;
• Documento Provisório de Registro Nacional Migratório;
• Identificação fornecida por ordens ou conselhos de classes que por lei tenha validade como documento de identidade;
• Carteira de Trabalho e Previdência Social emitida após 27 de janeiro de 1997;
• Certificado de Dispensa de Incorporação;
• Certificado de Reservista;
• Passaporte;
• Carteira Nacional de Habilitação com fotografia; e
• Identidade funcional de acordo com o Decreto 5.703/2006.


*Matéria produzida com informações do MEC
 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Educação

UFRB oferta 1.245 vagas em 33 cursos de graduação no Sisu 2020.2

A oferta de vagas no Sisu segue calendário definido pelo Ministério da Educação (MEC) para todas institui...

Câmara aprova MP que suspende cumprimento mínimo de dias letivos
Educação

Câmara aprova MP que suspende cumprimento mínimo de dias letivos

Texto segue para a apreciação do Senado

Programa de Atenção à Saúde Valorização do Professor promove lives sobre autoacolhimento
Educação

Programa de Atenção à Saúde Valorização do Professor promove lives sobre autoacolhimento

A live desta terça-feira teve a participação do psicólogo e facilitador de Biodança, Otávio Mendes.

Vídeo

Paciente do município de Ruy Barbosa recebe homenagem em Centro de Hemodiálise após vencer Covid-19 Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram