Acorda Cidade - Dilton Coutinho

10 de Agosto de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Política

Todas as notícias
Publicado em 29/08/2019 11h32.

Após dia de protestos, Câmara de Vereadores aprova projeto de lei que regulamenta transporte por aplicativo em Salvador

Votação foi realizada na tarde desta quarta-feira (28). Motoristas da categoria se manifestaram contra projeto. Já taxistas estavam a favor.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Após dia de protestos, Câmara de Vereadores aprova projeto de lei que regulamenta transporte por aplicativo em Salvador
Foto: Divulgação

Acorda Cidade

O Projeto de Lei 258/18, que regulamenta o transporte por aplicativo em Salvador, foi aprovado pela Câmara de Vereadores na tarde desta quarta-feira (28), após um dia de protesto na capital baiana.

A votação começou no início da tarde, no entanto, os sinais de que o dia seria agitado foram percebidos logo cedo. Pela manhã, motoristas de transporte por aplicativo saíram em carreata do aeroporto até a Câmara.

Um pouco antes do meio-dia, os motoristas que participaram do movimento chegaram à Casa. Com cartazes e gritos de ordem, eles disseram que temem que a regulamentação do serviço traga retrocessos para a categoria.

Também em frente à Câmara, em outra outra ponta do local, estavam os taxistas, que pedem a regulamentação do serviço e reclamam de concorrência desleal.

Os aplicativos de transporte privado começaram a funcionar em Salvador em abril de 2016. Dois meses depois, a prefeitura proibiu a continuidade dos serviços, no entanto, em fevereiro do ano seguinte, a justiça expediu uma liminar permitindo a atuação dos motoristas.

O Projeto de Lei 258/18, que regulamenta o transporte por aplicativo em Salvador, foi aprovado pela Câmara de Vereadores na tarde desta quarta-feira (28), após um dia de protesto na capital baiana.

A votação começou no início da tarde, no entanto, os sinais de que o dia seria agitado foram percebidos logo cedo. Pela manhã, motoristas de transporte por aplicativo saíram em carreata do aeroporto até a Câmara.

Um pouco antes do meio-dia, os motoristas que participaram do movimento chegaram à Casa. Com cartazes e gritos de ordem, eles disseram que temem que a regulamentação do serviço traga retrocessos para a categoria.

Também em frente à Câmara, em outra outra ponta do local, estavam os taxistas, que pedem a regulamentação do serviço e reclamam de concorrência desleal.

Os aplicativos de transporte privado começaram a funcionar em Salvador em abril de 2016. Dois meses depois, a prefeitura proibiu a continuidade dos serviços, no entanto, em fevereiro do ano seguinte, a justiça expediu uma liminar permitindo a atuação dos motoristas.

Fonte: G1

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Bolsonaro sanciona lei de negociação de dívidas das micro e pequenas empresas
Brasil

Bolsonaro sanciona lei de negociação de dívidas das micro e pequenas empresas

O anúncio foi feito durante live nas redes sociais

Requerimentos que cobram informações sobre o combate à covid-19 são reprovados na Câmara de Feira de Santana
Feira de Santana

Requerimentos que cobram informações sobre o combate à covid-19 são reprovados na Câmara de Feira de Santana

O vereador Roberto Tourinho apresentou dois requerimentos cobrando esclarecimentos da prefeitura sobre as aç...

Vídeo

Maternidade Santa Emília Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram