Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  •  Reserva Lumiere
  • Gov BA modelo de gestão
23 de Agosto de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Viagens

Todas as notícias
Publicado em 12/08/2019 14h07.

Três rotas ferroviárias para conhecer a Europa

Viajar de trem é uma das formas mais fáceis de conhecer o continente -- seja o Mediterrâneo ou os Alpes.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Três rotas ferroviárias para conhecer a Europa
Crédito: Divulgação

Acorda Cidade

As vistas belíssimas de uma estrada de ferro reluzente sobre os Alpes ou ao redor de um lago inspiram viajantes do mundo todo, e as duas opções são servidas de rotas ferroviárias. O itinerário vai da França até a Áustria cortando o território suíço -- tudo com a beleza da natureza do lado de fora.

Em Lausanne, na Suíça, os trens saem da Plage de Pully nos primeiros raios de sol, e depois de cruzar os Alpes com o dia nascendo, eles abraçam o Lago Genebra, na cidade de mesmo nome, em direção a Annecy, uma belíssima cidadezinha na Savóia francesa. Mais adiante, as composições param em Chamonix, na França, onde teleféricos levam os turistas ao topo de uma montanha, em que há uma cafeteria e um restaurante.

A rota alpina ainda passa em cidades como Lucerna, Arlberg Zell am See, Innsbruck e Berna, cuja área velha foi declarada patrimônio da humanidade da Unesco, braço da ONU para a cultura, em 1983. Ali ainda está o Museu Einstein, um dos mais renomados da Áustria. 

Outra rota, comum entre os turistas brasileiros, é comprar tíquetes de trem do Sul da França em direção à Alemanha, passando por praias espanholas, italianas e suíças. "É mais barato -- e bacana -- do que comprar uma passagem aérea", diz Vitor Rodrigues, brasileiro que vive em Genebra há dois anos. 

A viagem de trem partindo da Costa Azul francesa começou a fazer sucesso alguns anos atrás, quando ricos britânicos passaram a se aventurar em direção ao Sul no chamado Train Bleu ("trem azul"). O itinerário amplia a rota, abrangendo Barcelona e regiões cênicas da Riviera Francesa e da costa italiana até Roma, antes de voltarem a Londres via Suíça. As composições costumam partir de Toulouse em direção à metrópole catalã, passando por Latour-de-Carol, onde é preciso fazer baldeação na fronteira espanhola.

Depois de passar por Barcelona, as linhas de trem seguem em direção a Gênova, na Itália, cidade costeira italiana famosa por ser a terra natal de Cristóvão Colombo e de ter atrações turísticas como o Palazzo Bianco e o Palazzo Rosso. Um trem Frecciarossa leva os turistas pela costa Ligura até Roma, uma das capitais mais vibrantes da Europa.

De Roma, os trens ainda passam em Stresa -- ou Milão, dependendo do arranjo -- até entrar na Suíça via Zurique e, então, acabar a viagem em Colônia, na Alemanha. 

Uma terceira rota ferroviária possível na Europa é a escandinava: nessa, a Holanda é o ponto de partida e o de chegada, partindo da capital, Amsterdã, e voltando pela Antuérpia, cruzando Copenhague (Dinamarca), Oslo (Noruega) e Estocolmo (Suécia) -- capitais escandinavas --, além de cruzar a Alemanha via Hamburgo.

As rotas ferroviárias que ligam os países ainda passam por regiões cênicas -- e geladas -- do Norte da Europa, não sem deixar de parar em locais históricos, como o porto de Lübeck, onde a igreja de Petrikirche é a grande atração, e Rødbyhavn, na Dinamarca. Em Gotemburgo, já na Suécia, os turistas costumam passar o dia apenas para conhecer o Museu de Arte, com uma enorme coleção de pinturas e esculturas nórdicas. 

Em Oslo, um dos pontos altos da cidade é o Vigeland Sculpture Park, com 212 esculturas de bronze e granito que documentam a história e a condição humana. Em direção a Bergen, na costa Oeste, os trens sobem a 1,2 mil metros a nível do mar, de onde se observa cachoeiras, montanhas e abismos, e depois chegam a Trondheim, na Noruega, cidade fundada em 977 d.C. 

O roteiro ainda passa por Östersund, Södermalm e Estocolmo, na Suécia, de onde se pode voltar via Copenhague para Hamburgo, na Alemanha.  

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Setur (BA) participa de evento que promove turismo na região de Porto Seguro
Turismo

Setur (BA) participa de evento que promove turismo na região de Porto Seguro

O evento começou no dia 5/08 e segue até 19/09 pretendendo impactar diretamente mais de 2.000 profissionais...

Turismo no Egito pode impressionar brasileiros
Viagens

Turismo no Egito pode impressionar brasileiros

Brasileiros podem descobrir que Egito é um país interessante para visitar e esse é o desejo do ministro do ...

Procura por destinos brasileiros cresce 30% no 1º semestre
Turismo

Procura por destinos brasileiros cresce 30% no 1º semestre

Segundo estudo de uma agência de viagens online, os viajantes nacionais foram os que mais se interessaram pel...

Vídeo

Veja vídeo em 3D de como ficará o Centro de Educação, no prédio do FTC Veja mais Vídeos ›

Podcast

CDL realiza entrega dos prêmios da campanha Liquida Feira 2019
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram