Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  •  Reserva Lumiere
  •  Reserva Lumiere
23 de Agosto de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Mundo

Todas as notícias
Publicado em 29/07/2019 20h29.

Humanidade já usou recursos naturais do planeta para 2019

Esse cálculo mede a área terrestre e marinha necessária para produzir todos os recursos consumidos por uma população ao ponto em que o planeta ainda consiga se regenerar.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Humanidade já usou recursos naturais do planeta para 2019
Foto: Arquivo/Agência Brasil

Acorda Cidade

Agência Brasil - A partir desta segunda-feira (29), a conta da humanidade passa a ficar em débito com a Terra. É que a partir de hoje passaremos a consumir mais recursos do que o planeta consegue regenerar. A informação é do Global Footprint Network (GFN), uma organização de pesquisa responsável pelo cálculo do Dia da Sobrecarga da Terra, que mede a chamada Pegada Ecológica das atividades humanas no mundo.

Esse cálculo mede a área terrestre e marinha necessária para produzir todos os recursos consumidos por uma população ao ponto em que o planeta ainda consiga se regenerar.

"O motivo deste processo de degradação do planeta é nosso atual padrão de consumo, que exige uma quantidade maior de recursos que a natureza consegue oferecer", aponta a Global Footprint Network.

De acordo com os cálculos da organização, se a humanidade mantiver o ritmo atual de consumo teremos consumido 1,7 planeta Terra, até o final de 2019. A Global disse ainda que neste ano, o limite bateu um recorde: nunca havia acontecido tão cedo desde que o planeta entrou em déficit ecológico no início dos anos 1970. "Há 20 anos, essa data caiu em 29 de setembro; dez anos atrás, em 18 de agosto", diz nota da instituição.

A organização informou ainda que projeções moderadas das Nações Unidas para o aumento da população e do consumo indicam que em 2030 precisaríamos da capacidade de duas Terras para acompanhar nosso nível de demanda por recursos naturais.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Mundo

Rússia envia seu primeiro robô humanoide ao espaço

O robô FEDOR, também chamado Skybot F-850, tem 180 centímetros de altura e pesa 160 quilos.

'A Amazônia precisa ser protegida', diz secretário-geral da ONU
Mundo

'A Amazônia precisa ser protegida', diz secretário-geral da ONU

Nesta quinta-feira (22), Organização Meteorológica Mundial defendeu a utilização dos sistemas de monitora...

Mundo

Ataque em casamento deixa dezenas de mortos em Cabul

Foi o ataque mais violento deste ano na capital afegã.

Vídeo

Veja vídeo em 3D de como ficará o Centro de Educação, no prédio do FTC Veja mais Vídeos ›

Podcast

CDL realiza entrega dos prêmios da campanha Liquida Feira 2019
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram