Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • SECOM
18 de Outubro de 2019
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Saúde

Todas as notícias
Publicado em 05/07/2019 08h20.

Diagnóstico precoce é essencial no combate à osteoporose

Punho, região proximal do úmero, região do fêmur e coluna, são as áreas que mais possuem registros de ocorrência e acontecem por fragilidade óssea em pacientes acima de 65 anos.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Diagnóstico precoce é essencial no combate à osteoporose
Foto: Divulgação

Acorda Cidade

Uma doença silenciosa, que avança de forma lenta e sem causar dores, trata-se da osteoporose, patologia que gera o enfraquecimento do osso por meio da perda de massa mineral óssea, tornando a arquitetura do osso mais frágil. Segundo o ortopedista especialista em cirurgia do quadril do Hapvida, Soamy Lima Ramalho, a doença atinge 10 milhões de brasileiros. “Os dados são da OMS, apontam que desse total, 75% da população só consegue diagnosticar a doença quando ocorre a fratura”, afirma.

Punho, região proximal do úmero, região do fêmur e coluna, são as áreas que mais possuem registros de ocorrência e acontecem por fragilidade óssea em pacientes acima de 65 anos. “Em situações como essas, o indivíduo já pode ser diagnosticado com osteoporose, sem precisar necessariamente da realização do exame de densitometria óssea, que é utilizado para diagnóstico da doença”, afirma Soamy Lima Ramalho.

Entre as pessoas mais acometidas pela osteoporose estão pessoas mais idosas, mulheres brancas e magras na fase da menopausa e pacientes mais jovens – entre 20 e 40 anos de idade. “No caso da mulher há a perda do estrogênio e no homem a progesterona, a diminuição desses hormônios é que ocasiona a osteoporose”.

Soamy Lima ainda esclarece que no caso das mulheres brancas e magras a evidência da doença se justifica pela existência de estudos que apontam a questão da pouca exposição ao sol e a falta de tecido adiposo, este último auxilia no amortecimento das quedas que geram a fratura do osso.

Tipos e Causas – O Ortopedista ressalta que existem dois tipos de osteoporose. A osteoporose primária, que se dá pela diminuição dos hormônios e/ou fratura óssea e osteoporose secundária, ocorre pela preexistência de alguma doença.

Entre as principais causas da doença estão “o uso de alguns medicamentos que podem ser usados, como o corticóide, e provoca o enfraquecimento dos ossos. Além disso, o alcoolismo também contribui para o desenvolvimento da doença em pacientes mais jovens”, ressalta o especialista que acrescenta: “Em caso de pessoas jovens a doença pode ser causada por cunho genético, a exemplo da osteogênese imperfeita, nesse caso trata-se de uma osteoporose do tipo secundária”.

Prevenção – Apesar de ser uma doença totalmente silenciosa, a osteoporose pode ser prevenida por meio de banho de sol, suplementação dietética de cálcio e vitamina D, bons hábitos alimentares, atividade física, evitar fumo e consumo de bebidas alcoólicas. “Mantendo essa rotina em longo prazo, desde os 30 anos, quando se tem o maior pico de massa óssea e se mantém isso ao longo da vida é o melhor tratamento, que é a prevenção. Existem também inúmeros medicamentos que são utilizados para o tratamento da doença”, conclui.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Com máscara de oxigênio suja, hospital usa copo descartável como substituto e reanima bebê
Bahia

Com máscara de oxigênio suja, hospital usa copo descartável como substituto e reanima bebê

Segundo mãe da criança, caso ocorreu depois que a bebê nasceu sem os sinais vitais.

Visando diminuir índice de prematuridade, Fundação Hospitalar realiza campanha Novembro Roxo
Saúde

Visando diminuir índice de prematuridade, Fundação Hospitalar realiza campanha Novembro Roxo

Novembro é considerado o Mês Mundial de Conscientização da Prematuridade.

Musculação ajuda a fortalecer o cérebro de idosos
Saúde

Musculação ajuda a fortalecer o cérebro de idosos

Resultados positivos só foram identificados quando os grupos musculares testados eram analisados em conjunto.

Vídeo

Incêndio em oficina destrói veículos e assusta moradores do bairro Pedra do Descanso Veja mais Vídeos ›

Podcast

Ouça o Programa desta Sexta-Feira 18.10:
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram