Acorda Cidade - Dilton Coutinho

04 de Junho de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Feira de Santana

Todas as notícias
Publicado em 11/06/2019 08h15.

Moradores reclamam de situação de rua no bairro Santo Antônio e interditam Avenida Artêmia Pires em protesto

Para chamar a atenção das autoridades e pedir uma solução, eles bloquearam além da avenida, algumas ruas transversais.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Moradores reclamam de situação de rua no bairro Santo Antônio e interditam Avenida Artêmia Pires em protesto
Foto enviada por moradores

Andrea Trindade

Moradores do bairro Santo Antônio dos Prazeres, em Feira de Santana, interditaram a Avenida Artêmia Pires, no bairro vizinho, o SIM, por volta das 6h desta terça-feira (11) em um protesto contra a situação da Rua Arlindo Alves.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Eles reclamam da obra de uma construtora que dura mais de um ano e seis meses e que causa muita lama no período chuvoso. Para chamar a atenção das autoridades e pedir uma solução, eles bloquearam além da avenida, algumas ruas transversais.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

A comerciante Vera Lúcia Ferreira informou ao Acorda Cidade que a Rua Arlindo Alves está intrafegável e que quem tenta passar a pé corre o risco de deslizar na lama e cair.

"O protesto é contra uma rede de drenagem que a construtora começou a fazer há um ano e seis meses. A obra deu errado e estão refazendo , mas quando começa a chover a gente não sai para lugar nenhum. Tem gente com deficiência, pessoas que chegam tarde da faculdade, que precisam passar por ali. Tem os comércios, o meu está fechado, e estamos aqui para resolver essa situação. A MRV está sabendo, a prefeitura e o Ministério Público também e nada resolveram. Estamos indignados coma situação e por isso estamos aqui”, reclamou.

Fotos enviadas por moradores

Outra moradora reforçou a reclamação da comerciante. “Queremos que eles resolvam. Eles estão cavando, cavando e deixando a rua interditada, deveriam cavar e ir arrumando. Estamos sem coleta, sem Samu, sem Uber e sem apoio. Para completar tem um condomínio que joga água na rua. É uma convivência desumana. É muita lama e água empoçada em tempo de dengue, criança sem ir para a escola, é muito problema, basta chover”, declarou.

Vale ressaltar que a Avenida Artêmia Pires também possui diversos problemas de trafegabilidade, muitas vezes reportados aqui no Acorda Cidade.

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade
 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Licitação internacional para iluminação pública de Feira está marcada para o dia 14 de agosto
Feira de Santana

Licitação internacional para iluminação pública de Feira está marcada para o dia 14 de agosto

A concessão inclui o desenvolvimento, modernização, expansão, eficientização energética, operação e m...

Feirenses adotam animais abandonados e enfrentam a pandemia com mais esperança e amor
Feira de Santana

Feirenses adotam animais abandonados e enfrentam a pandemia com mais esperança e amor

A maioria das pessoas está preferindo adotar animais adultos.

Homem desabafa sobre situação de família com 11 infectados com covid-19
Feira de Santana

Homem desabafa sobre situação de família com 11 infectados com covid-19

Ele relatou ao Acorda Cidade que encontrou muita dificuldade para ter assistência da Secretaria Municipal de ...

Vídeo

Manifestantes protestam contra o fechamento do comércio em frente a Hospital de Campanha e pedem informações sobre obra Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram