Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • Gov BA modelo de gestão
  •  Reserva Lumiere
24 de Agosto de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Feira de Santana

Todas as notícias
Publicado em 11/06/2019 08h15.

Moradores reclamam de situação de rua no bairro Santo Antônio e interditam Avenida Artêmia Pires em protesto

Para chamar a atenção das autoridades e pedir uma solução, eles bloquearam além da avenida, algumas ruas transversais.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Moradores reclamam de situação de rua no bairro Santo Antônio e interditam Avenida Artêmia Pires em protesto
Foto enviada por moradores

Andrea Trindade

Moradores do bairro Santo Antônio dos Prazeres, em Feira de Santana, interditaram a Avenida Artêmia Pires, no bairro vizinho, o SIM, por volta das 6h desta terça-feira (11) em um protesto contra a situação da Rua Arlindo Alves.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Eles reclamam da obra de uma construtora que dura mais de um ano e seis meses e que causa muita lama no período chuvoso. Para chamar a atenção das autoridades e pedir uma solução, eles bloquearam além da avenida, algumas ruas transversais.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

A comerciante Vera Lúcia Ferreira informou ao Acorda Cidade que a Rua Arlindo Alves está intrafegável e que quem tenta passar a pé corre o risco de deslizar na lama e cair.

"O protesto é contra uma rede de drenagem que a construtora começou a fazer há um ano e seis meses. A obra deu errado e estão refazendo , mas quando começa a chover a gente não sai para lugar nenhum. Tem gente com deficiência, pessoas que chegam tarde da faculdade, que precisam passar por ali. Tem os comércios, o meu está fechado, e estamos aqui para resolver essa situação. A MRV está sabendo, a prefeitura e o Ministério Público também e nada resolveram. Estamos indignados coma situação e por isso estamos aqui”, reclamou.

Fotos enviadas por moradores

Outra moradora reforçou a reclamação da comerciante. “Queremos que eles resolvam. Eles estão cavando, cavando e deixando a rua interditada, deveriam cavar e ir arrumando. Estamos sem coleta, sem Samu, sem Uber e sem apoio. Para completar tem um condomínio que joga água na rua. É uma convivência desumana. É muita lama e água empoçada em tempo de dengue, criança sem ir para a escola, é muito problema, basta chover”, declarou.

Vale ressaltar que a Avenida Artêmia Pires também possui diversos problemas de trafegabilidade, muitas vezes reportados aqui no Acorda Cidade.

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade
 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Morre fundador da feirinha da Estação Nova
Feira de Santana

Morre fundador da feirinha da Estação Nova

Em 2017 ele foi homenageado tendo seu nome colocado no centro comercial da Estação Nova.

Prefeitura apura episódio envolvendo seis estudantes que passaram mal durante partida de futebol em escola 
Feira de Santana

Prefeitura apura episódio envolvendo seis estudantes que passaram mal durante partida de futebol em escola 

Todas as adolescentes foram medicadas e já estão em casa.

Homem que agrediu idoso com um soco é preso após se apresentar à Justiça
Feira de Santana

Homem que agrediu idoso com um soco é preso após se apresentar à Justiça

O advogado Renildo Brito deu detalhes da apresentação.

Vídeo

Veja vídeo em 3D de como ficará o Centro de Educação, no prédio do FTC Veja mais Vídeos ›

Podcast

CDL realiza entrega dos prêmios da campanha Liquida Feira 2019
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram