Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  •  Reserva Lumiere
  •  Reserva Lumiere
26 de Agosto de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Educação

Todas as notícias
Publicado em 08/02/2019 18h02.

Jovem de Vitória da Conquista vai estudar medicina na Rússia

Eduarda Moreira Santos, de 19 anos, ingressou em uma das melhores universidades do país europeu.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Jovem de Vitória da Conquista vai estudar medicina na Rússia
Foto: Divulgação

Acorda Cidade

Na próxima segunda-feira, dia 11 de fevereiro, cerca de 40 jovens de todo o Brasil embarcam com destino à Rússia para realizar um sonho: estudar medicina. O grupo ingressa na Universidade Médica Estatal de Kursk, considerada uma das 10 melhores instituições do país e líder no ensino de medicina em língua inglesa. Os estudantes tiveram a assessoria da Aliança Russa, representante oficial das principais universidades russas no Brasil desde 2005.

Eduarda ficou sabendo do programa por meio de uma publicação nas redes sociais “Eu estava fazendo cursinho, sob muita pressão, e passando por momentos complicados envolvendo minha família. Foi quando eu vi uma publicação no Instagram sobre uma menina que fazia medicina na Rússia e fiquei bem interessada”, explica.

Segundo a jovem, quando falou com os familiares sobre a ideia, o pai ficou animado, mas a mãe ficou um pouco receosa. “Com o passar do tempo, ela acabou aceitando”, afirma.

Cursar medicina na Rússia é um bom investimento. Isso porque o governo local subsidia os alunos estrangeiros que vão para o país estudar, o que diminui consideravelmente os custos. O semestre sai por aproximadamente US$ 3100, incluindo hospedagem e seguro médico. Valor muito inferior ao cobrado no Brasil.

Ao voltar para o país, o estudante submete o diploma ao processo de reconhecimento em uma universidade brasileira, procedimento padrão para qualquer estudante que faça graduação em centros de ensino estrangeiros.

O trabalho da Aliança Russa consiste na seleção dos candidatos, no processo de orientação da faculdade, no recolhimento da documentação necessária para permanência legal do estudante na Rússia, na obtenção da vaga, inscrição na universidade e na assessoria durante a viagem.

Desde 2010, o chamado Diploma Único de Estudos Superiores da Europa, do qual a Rússia faz parte, passou a valer conforme o Tratado de Bolonha. Seu objetivo é facilitar a mobilidade dos estudantes e profissionais do ensino superior da Europa. 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Educação

Educação integral é meta do Plano Nacional de Educação Governo quer chegar a 500 mil novas matrículas até 2022

A proposta do programa é ampliar a carga horária do ensino médio de 4 para, no mínimo, 7 horas diárias.

Ifba prorroga prazo para pedidos de isenção parcial da taxa do Prosel 2020
Educação

Ifba prorroga prazo para pedidos de isenção parcial da taxa do Prosel 2020

Em Feira de Santana, o Ifba oferece 260 vagas distribuídas entre os Cursos Técnicos de Eletrotécnica, Edifi...

Educação

Uneb inscreve para aluno especial do mestrado em Química Aplicada até 29 de agosto

Os interessados devem realizar inscrição online e apresentar documentos especificados no edital no Protocolo...

Vídeo

Veja vídeo em 3D de como ficará o Centro de Educação, no prédio do FTC Veja mais Vídeos ›

Podcast

CDL realiza entrega dos prêmios da campanha Liquida Feira 2019
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram