Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • Governo Sefaz
24 de Março de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Saúde

Todas as notícias
Publicado em 11/01/2019 06h43.

Como higienizar as frutas de forma correta?

Lavar os alimentos da maneira certa pode resultar em uma alimentação mais saudável
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Como higienizar as frutas de forma correta?
Foto: Reprodução

Acorda Cidade

Basta uma rápida pesquisa na internet para perceber que aparecem, entre os resultados, diversas formas de higienizar frutas. Água corrente ou sanitária, bicarbonato de sódio e vinagre são algumas das opções e o que não faltam são dicas, das mais mirabolantes até as mais simples. Mas, como saber se estamos realmente lavando as frutas da forma correta? Afinal, a higienização é fundamental para garantir uma alimentação mais saudável e livre de sujeiras.

A nutricionista Karen Alves, responsável pela segurança alimentar da Snack Frutas, delivery de cestas de frutas para escritório, explica que há apenas uma forma de lavar os alimentos: “existe uma única maneira de higienização das frutas, sendo essa em imersão de hipoclorito e retirada do produto com água corrente. O que demanda a diferenciação é apenas o tempo em que devem ficar de molho. Cada marca de hipoclorito trabalha com um tempo de imersão, que deve ser respeitado para uma eficácia adequada da substância”, explica.

E se você já está coçando a cabeça, preocupado onde encontrar o tal hipoclorito, pode ficar tranquilo, pois ele é mais conhecido como água sanitária. Só é preciso ficar atento a algumas questões: deve estar sinalizado na embalagem do produto que é próprio para o uso em alimentos, além de estar registrado junto ao Ministério da Saúde. “É um composto alvejante à base de cloro e, com ele, é possível remover insetos, sujidades e demais matérias presas aos alimentos. O que irá determinar sua ação, será a quantidade adequada de uso no momento da diluição. Algumas frutas, por exemplo, como pêssego, ameixa, kiwi, morango e nectarina são mais sensíveis e, portanto, demandam menor quantidade para que não haja deterioração”, destaca Karen.

Além de lavarmos os alimentos da forma correta dentro de casa, também precisamos nos preocupar com o que estamos ingerindo na rua e no escritório, já que a maior causa das intoxicações alimentares é a má higienização dos alimentos. Essa é uma das preocupações da Snack Frutas, empresa que atende a região de São Paulo e Belo Horizonte. “Damos uma atenção especial à higienização dos nossos produtos. Todos os dias garimpamos as frutas mais frescas para os nossos clientes e em seguida desenvolvemos um processo meticuloso para garantir que os alimentos estejam em perfeito estado e livres de qualquer sujeira”, afirma Carlos Ribeiro, sócio fundador.

O procedimento de higienização que a Snack Frutas realiza é muito simples e pode até ser adaptado para o ambiente doméstico. Confira:

Seleção das melhores frutas, aquelas que não se encontram com partes deterioradas;
Imersão em água com hipoclorito, respeitando o tempo de imersão de 10 à 15 minutos;
Higienização em água corrente, para retirada da solução clorada;
Processo de secagem natural, em sala refrigerada. 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Rede Mater Dei vai construir hospital em Salvador; serão 4,5 mil empregos
Saúde

Rede Mater Dei vai construir hospital em Salvador; serão 4,5 mil empregos

A estimativa é que a Sedur libere o alvará de início das obras em 90 dias e que o hospital comece a funcion...

Saúde

Tuberculose mata 4.500 pessoas todos os dias no mundo

De acordo com a OMS, esforços globais para combater a doença salvaram 54 milhões de vidas desde o ano 2000 ...

Homens de 25 a 40 anos são público-alvo de campanha sobre tuberculose
Saúde

Homens de 25 a 40 anos são público-alvo de campanha sobre tuberculose

A tuberculose é uma doença infectocontagiosa que afeta principalmente os pulmões, mas também pode acometer...

Vídeo

Feira: estudantes fazem manifestações contra calor e cobram melhorias na estrutura de escolas estaduais Veja mais Vídeos ›

Podcast

Definidas atrações locais da Micareta 2019
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram