Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • Nota Premiada
  • Educa Mais Brasil
23 de Janeiro de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Economia

Todas as notícias
Publicado em 14/09/2018 08h49.

Cartão de crédito e crediário foram as modalidades que mais endividaram os brasileiros no último ano, aponta pesquisa

O educador financeiro ressalta que o mau uso do crédito pode tornar a dívida difícil de pagar, principalmente diante de uma economia que ainda está em recuperação.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Cartão de crédito e crediário foram as modalidades que mais endividaram os brasileiros no último ano, aponta pesquisa
Foto: Divulgação

Acorda Cidade

Uma pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostra que 58% dos consumidores que recorreram ao crediário no último ano ficaram negativados por atrasar prestações e 48% dos usuários de cartão de crédito por não pagarem a fatura.

Segundo o educador financeiro do SPC Brasil, José Vignoli, se não houver controle, o uso do crédito pode gerar um volume de compras que excede o orçamento, levando os consumidores à inadimplência.

“O crédito é uma coisa que faz parte da nossa vida, tem os seus benefícios; mas, se tomado de forma não organizada, se for tomado para coisas sem importância, pode se transformar em uma bola de neve. Até porque a pesquisa mostra que muitas das pessoas não dão atenção aos detalhes, as taxas, enfim... tudo o que tem dentro de um empréstimo.”

O educador financeiro ressalta que o mau uso do crédito pode tornar a dívida difícil de pagar, principalmente diante de uma economia que ainda está em recuperação.

“Muitas vezes com a economia dando sinais de recuperação, as pessoas são levadas a consumir novamente - o que é bom, que faz parte da economia voltar a girar, é muito importante para o país – mas as pessoas tem que agir com responsabilidade, sabendo exatamente o quanto estão gastando e se podem gastar.”

A pesquisa mostra ainda que o cartão de crédito lidera o ranking dos instrumentos de crédito mais utilizados no último ano, com 67% das menções. Em segundo lugar, surge o crediário, como carnês, boletos e cartões de loja (27%). Aparecem depois o limite do cheque especial (17%), o empréstimo consignado em bancos (14%) e o empréstimo pessoal em bancos (12%).

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Patrimônio dos 26 mais ricos do mundo equivale ao da metade mais pobre
Desigualdade social

Patrimônio dos 26 mais ricos do mundo equivale ao da metade mais pobre

O dado foi divulgado pela organização Oxfam.

Falha técnica atrasa transferências eletrônicas para contas da Caixa
Economia

Falha técnica atrasa transferências eletrônicas para contas da Caixa

Banco diz que situação foi regularizada

Seguro-desemprego é reajustado em 3,43%
Economia

Seguro-desemprego é reajustado em 3,43%

Parcela máxima passa para R$ 1.735,29.

Vídeo

Câmera registra momento em que ônibus colide em van em Feira de Santana Veja mais Vídeos ›

Podcast

Rui garante nomeação de coordenadores pedagógicos
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram