Acorda Cidade - Dilton Coutinho

19 de Janeiro de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Feira de Santana

Todas as notícias
Publicado em 06/12/2016 06h37.

Coordenadora da Estação Climatológica da Uefs explica sobre tempo abafado em Feira de Santana

Rosângela Leal afirmou ainda que mesmo com a ocupação na Uefs, a equipe da estação climatológica continua realizando as leituras
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Coordenadora da Estação Climatológica da Uefs explica sobre tempo abafado em Feira de Santana
Foto: Ed Santos / Acorda Cidade

Laiane Cruz

Nos últimos dias a população de Feira de Santana tem enfrentado um forte calor e sensação de abafamento. Segundo a coordenadora da estação climatológica da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), Rosângela Leal, o tempo abafado é consequência da umidade do solo, devido às chuvas que caíram na cidade em novembro.

“O tempo abafado é a característica de uma área de baixa pressão, então se tem essa sensação térmica de abafamento, porque choveu e ainda tem muita água no solo, que está evaporando, e nós temos essa umidade no ar, que dá essa sensação”, explicou Rosângela Leal.

Segundo ela, as últimas chuvas foram fracas e não foram capazes de encher as aguadas. Além disso, a temperatura começou a baixar, afastando as frentes frias da região. Quando isso ocorre não se criam as condições ideais para chuvas de trovoada, tão esperadas nesta época do ano, as quais são capazes de encher as aguadas.

“Nós estamos na expectativa de que essas chuvas cheguem, algumas nuvens estão chegando, algumas correntes que estão passando na região sul. Com essa temperatura mais elevada, a expectativa aumenta. Como houve chuvas em novembro, isso descaracterizou as condições que possibilitariam essas chuvas de trovoadas. Como nesse ano as trovoadas vieram em janeiro, a nossa expectativa é que elas venham no fim de dezembro ou mesmo no mês de janeiro”, informou a coordenadora da estação climatológica.

Rosângela Leal afirmou ainda que mesmo com a ocupação na Uefs, a equipe da estação climatológica continua realizando as leituras. “Infelizmente estamos com alguns problemas, por causa da ocupação, mas mesmo com isso as leituras estão sendo realizadas. Falamos com o comitê do movimento e eles não nos bloquearam”, disse. 

Registro feito pelo leitor Allan Boaventura

As informações são do repórter Ed Santos do Acorda Cidade.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Colaboração da população é essencial durante Bota Fora nas comunidades
Feira de Santana

Colaboração da população é essencial durante Bota Fora nas comunidades

Materiais como entulhos, sucatas e automóveis abandonados devem ser solicitados através do aplicativo Fala F...

Pedreiro morre após colidir moto em poste na Avenida Nóide Cerqueira
Feira de Santana

Pedreiro morre após colidir moto em poste na Avenida Nóide Cerqueira

Segundo polícia, ele bateu em um poste no canteiro central. O corpo foi removido para o Departamento de Polí...

Morre Anderson Lima da Banda Forró Fulero
Feira de Santana

Morre Anderson Lima da Banda Forró Fulero

O corpo está sendo velado na Pax Bahia na Avenida Centenário, bairro SIM, em Feira de Santana.

Vídeo

Moradores reclamam de buracos deixado pela prefeitura Veja mais Vídeos ›

Podcast

Ouça o Programa desta sexta-feira 17.01:
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram