Acorda Cidade - Dilton Coutinho

27 de Janeiro de 2022
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Feira de Santana

Todas as notícias
Publicado em 20/06/2013 18h53.

Protesto por melhorias sociais reúne cerca de dez mil pessoas em Feira de Santana

Durante a caminhada, portando faixas e principalmente cartazes, eles gritavam palavras de ordem pedindo a redução da tarifa de ônibus e entoaram o Hino Nacional Brasileiro.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Protesto por melhorias sociais reúne cerca de dez mil pessoas em Feira de Santana
Ed Santos/Acorda Cidade
Ney Silva e Andrea Trindade
 
Aderindo à mobilização nacional contra o valor das passagens e por questões sociais, como saúde, educação e segurança pública, cerca de dez mil pessoas, segundo estimativa da Polícia Militar, foram às ruas de Feira de Santana na tarde desta quinta-feira (20).

 
Os manifestantes se concentraram inicialmente na Praça do Instituto de Educação Gastão Guimarães, depois seguiram pela rua Aristides Novis e avenida Getúlio Vargas em direção à prefeitura. Não houve enfrentamento entre manifestantes e polícia, e a caminhada seguiu em clima de tranquilidade.
 
Durante a caminhada, portando faixas e principalmente cartazes, eles gritavam palavras de ordem pedindo a redução da tarifa de ônibus e entoaram o Hino Nacional Brasileiro. 
 

O prédio da prefeitura foi totalmente isolado por policiais militares, que formaram uma barreira humana no entorno do Paço Municipal.

Leia também: 
Por segurança, comércio fecha as portas durante protesto
 
“Nossa manifestação tem um clamor de protesto contra o aumento da passagem, por melhoria da qualidade do transporte coletivo urbano e quanto mais pessoas se somarem a esta luta tenho certeza que haverá redução da passagem e nossa pauta será cumprida”. A afirmação foi feita por Iracema Santos, uma das coordenadoras do Diretório Central dos Estudantes da Uefs (DCE). 
 
 
Ela lembrou que a luta é também por melhorias do país como na educação, saúde e segurança pública, mas em Feira de Santana a causa principal do protesto são os problemas relacionados ao transporte público, especialmente o preço da passagem.
 

O estudante de Engenharia Civil Fábio Tuxá, que é indígena e estava ao lado da irmã e mais dois índios, disse que a manifestação é muito justa e que o povo brasileiro demorou muito para acordar, além disso, vinha fazendo manifestações isoladas. “Nunca conseguiram se unir e agora com esse acordar da consciência do brasileiro pode unir o povo e realmente acabar com as mazelas do país”, declarou.
 
 
O médico Cesar Oliveira, que também participou da manifestação, destacou que essa mobilização é importante porque não tem envolvimento dos movimentos tradicionais políticos. “Desse ponto de vista, o movimento traz algo novo, representando um anseio diferente da sociedade”, afirmou.
 

 
Para o presidente da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/Feira), Pedro Mascarenhas, este é o movimento da população que estava adormecida e agora está pleiteando seus direitos. Segundo ele, toda vez que o Brasil melhorou foi com um gesto popular. “O povo já não suporta mais tamanha incredulidade nos políticos”, ressaltou.
 
Representantes de entidades como OAB, DCE,STR (Sindicato dos Trabalhadores Rurais),  Ames (Associação Municipal dos Estudantes Secundaristas), grupos Ousar e Levante e demais pessoas da sociedade estiveram presentes no protesto.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Máquinas agrícolas estimulam cultivo durante chuvas de verão na zona rural de Feira
Feira de Santana

Máquinas agrícolas estimulam cultivo durante chuvas de verão na zona rural de Feira

Aragem prepara o solo e facilita o trabalho do agricultor

Servidores municipais que ainda não atualizaram cadastro ficarão sem salário
Feira de Santana

Servidores municipais que ainda não atualizaram cadastro ficarão sem salário

São 214 com pendência e precisam regularizar a situação

Divulgada relação de sorteados para ocupar boxes do Shopping Popular
Feira de Santana

Divulgada relação de sorteados para ocupar boxes do Shopping Popular

Foram 604 interessados para 469 vagas.

Vídeo

Covid-19: com poucos funcionários, drive-thru da prefeitura gera longas filas na Ayrton Sena Veja mais Vídeos ›

Ouça Agora

Programa desta quinta-feira 27.01.22:
Mais áudios ›

Facebook

Instagram