Acorda Cidade | Dilton Coutinho | Portal de notícias de Feira de Santana - Bahia

20º 31º Feira de Santana
14 de dezembro de 2017

Notícias

Esportes

Empregos

Lazer

Especial

Todas as notícias Polícia

'Eu falei com eles não atirem não. E eles atiraram', disse a mãe de menina assassinada em Feira

07/12/2017 10h55
Segundo o delegado Gustavo Coutinho, os autores do crime já foram identificados.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
'Eu falei com eles não atirem não. E eles atiraram', disse a mãe de menina assassinada em Feira
Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

Laiane Cruz

A mãe da garota de 10 anos Aryana de Jesus Viena, que morreu na noite de ontem (6), no Hospital Estadual da Criança (HEC), após ter sido baleada na região do abdômen por traficantes, implorou aos suspeitos que não atirassem contra a residência da família, situada na Rua Leovigílio Lacerda, no conjunto Liberdade.

Segundo ela, quatro homens chegaram ao local à procura do seu filho Rafael, que não estava em casa, e como não o encontraram, começaram a atirar. Quando eles perceberam que a menina foi baleada correram. "Eu falei com eles, não atirem não. E eles atiraram", disse a mãe de Aryana.

A mãe confirmou que Rafael já teve envolvimento com o tráfico de drogas, mas que, segundo ela, abandonou a facção e conseguiu um emprego formal.

“Ele se envolveu, mas quando sai eles querem cobrar. Meu filho tinha saído, arranjou um trabalho e tinha família. Já não queria mais se envolver. Só que eles queriam que meu filho se envolvesse de novo, e meu filho disse que não ia mais. E aí eles fizeram isso, vieram pra matar ele. Ele está trabalhando de carteira assinada e esses ‘caras’ estavam ameaçando ele de morte”, afirmou a mãe.

Ela relatou que mesmo avisando aos homens que o filho não estava em casa, eles insistiram e deflagraram os tiros no local.

“Eu gritei e falei que minha filha estava dentro de casa e eles queriam invadir a casa, mas eu não deixei e eles começaram a deflagrar os tiros. Eu quero providência, quero Justiça, minha filha foi minha amiga e minha companheira e eles tiraram a vida dela”, desabafou.

Aryana de Jesus Viena morreu por volta das 18h de ontem. A delegada Bianca Tores Andrade efetuou o levantamento cadavérico no hospital, e o corpo da criança foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para ser necropsiado.

Segundo o delegado Gustavo Coutinho, os autores do crime já foram identificados.

Aguarde mais informações

Leia também: Menina de 10 anos é assassinada a tiros em Feira de Santana

 

Com informações do repórter Carlos Valadares do programa Nas Ruas e Na Polícia e do repórter Aldo Matos do Acorda Cidade

É muito importante a sua participação. Envie para nós a sua sugestão de correção.



É muito importante a sua participação. Em breve entraremos em contato.



Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Veja também

PodCast

Queda de energia danifica equipamentos em escola e casas no bairro Sobradinho

mais podcast ›

Videos

População recebe PM com aplausos após morte de assaltantes de banco em Olindina