Acorda Cidade | Dilton Coutinho | Portal de notícias de Feira de Santana - Bahia

19º 31º Feira de Santana
22 de outubro de 2017

Notícias

Esportes

Empregos

Lazer

Especial

Todas as notícias Polícia

Homem é assassinado a tiros no bairro Campo Limpo

14/04/2017 13h16
Até o momento não há informações sobre a motivação e autoria do crime.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Homem é assassinado a tiros no bairro Campo Limpo
Foto: Aldo Matos

Acorda Cidade

Atualizada às 18h

Um homem foi assassinado a tiros por volta das 10h50 desta sexta-feira (14) na Rua Muriti, bairro Campo Limpo, em Feira de Santana.

Adriano de Jesus Santos, 28 anos, morava no conjunto José Ronaldo e foi alvejado por quatro tiros. Até o momento não há informações sobre a motivação e autoria do crime.

De acordo com a polícia, um homem que se identificou como tio de criação da vítima informou que Adriano teria ido até a residência dele para lhe pedir a benção como sempre fazia no dia da Sexta-feira Santa.

Segundo ele, no local já havia funcionando um centro espirita e mesmo com o fechamento, a família costumava se confraternizar na data de hoje. Nem ele nem outras pessoas que estavam no local do crime souberam infirmar a polícia como o crime aconteceu. 

Leia também: Homem morre no Clériston Andrade, após ser baleado no bairro Sobradinho

As informações são do repórter Ed Santos do Acorda Cidade
 

É muito importante a sua participação. Envie para nós a sua sugestão de correção.



É muito importante a sua participação. Em breve entraremos em contato.



Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Veja também

PodCast

1º lugar – Categoria de 11 a 14 anos

mais podcast ›

Videos

Ao vivo: CCJ discute parecer pela inadmissibilidade de denúncia contra Temer