Acorda Cidade | Dilton Coutinho | Portal de notícias de Feira de Santana - Bahia

22º 34º Feira de Santana
20 de novembro de 2017

Notícias

Esportes

Empregos

Lazer

Especial

Todas as notícias Saúde

Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve

26/02/2014 11h01
Após a assembleia, os funcionários do Samu seguiram em caminhada até a Câmara Municipal de Feira de Santana, para entregar um abaixo assinado solicitando que os vereadores peçam ao prefeito José Ronaldo de Carvalho o afastamento de Maísa Macedo.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Ed Santos/Acorda Cidade

Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana entram em greve

Daniela Cardoso 

Médicos e funcionários do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) decidiram por unanimidade que vão entrar em greve, a partir de amanhã, por tempo indeterminado, em assembleia realizada na manhã desta quarta-feira (26). Antes da assembleia, os funcionários realizam uma manifestação em frente à sede do Samu. Segundo o diretor do Sindicato dos Enfermeiros da Bahia, Edklercio Mendonça, os funcionários querem o afastamento da coordenadora do órgão, Maísa Macedo, para que denúncias contra a gestão dela sejam esclarecidas. (Veja vídeo)

Leia também
 
Médicos do Samu pedem saída de coordenadora e mais uma vez ameaçam demissão coletiva
 
Prefeito diz que se surpreendeu com pedido de médicos do Samu para exoneração de coordenadora
 
 
Após a assembleia, os funcionários do Samu seguiram em caminhada até a Câmara Municipal de Feira de Santana, para entregar um abaixo-assinado solicitando que os vereadores peçam ao prefeito José Ronaldo de Carvalho o afastamento de Maísa Macedo.
 
“As denúncias que estão sendo feitas não são contra a pessoa da coordenadora do Samu, mas contra a figura pública da gestora. As denúncias estão direcionadas ao prejuízo causado ao município, ao poder público, e os legisladores do município é que têm a responsabilidade de pedir ao prefeito o afastamento imediato da coordenação para que essas questões sejam minimamente apuradas”, esclareceu Edklercio.
 

 
Sobre a manifestação de estudantes de enfermagem e enfermeiros, realizada na tarde de ontem (25), em favor da coordenadora Maísa, o diretor do sindicato disse que o movimento dos médicos não é corporativista. Segundo ele, cerca de 80% dos funcionários do Samu, com todas as categorias envolvidas, assinaram o abaixo-assinado entregue na Câmara de Vereadores, que também será entregue no Ministério Público, solicitando providências.

“O movimento de alguns estudantes foi tentando direcionar que esse movimento dos médicos é contra a enfermagem, mas não é”, declarou. 
 
As informações são do repórter Ed Santos do Acorda Cidade 
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve
Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve Médicos e funcionários do Samu de Feira de Santana vão entrar em greve

É muito importante a sua participação. Envie para nós a sua sugestão de correção.



É muito importante a sua participação. Em breve entraremos em contato.



Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Veja também

PodCast

Cartas para o Papai Noel dos Correios podem ser entregues até o dia 30 de novembro

mais podcast ›

Videos

Reforma trabalhista: Entenda as novas regras e formas de contratação