Acorda Cidade - Dilton Coutinho

19 de Abril de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Feira de Santana

Todas as notícias
Publicado em 08/04/2021 08h30.

Moradores reclamam de poeira e pedem retorno de obra em rua do bairro Alto do Papagaio

Moradores disseram que a obra parou há cerca de 15 dias.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Moradores reclamam de poeira e pedem retorno de obra em rua do bairro Alto do Papagaio
Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Andrea Trindade

Atualizada às 11:15

A obra de pavimentação asfáltica da Rua Eunápolis, no bairro Alto do Papagaio, em Feira de Santana, está parada há cerca de uma semana, segundo os moradores. A via liga a Avenida Ayrton Senna a Avenida Fraga Maia e tem grande fluxo de veículos.

Os moradores informaram ao Acorda Cidade que foi feita apenas a terraplanagem, e desde então a poeira que sobe durante a passagem de veículos tem causado transtornos aos moradores. 

A empresa Engefort, responsável pela execução da obra disse que a mesma não foi abandonada e que a equipe do serviço de asfalto já está iniciando os serviços (Confira a nota da empresa no final da matéria)

Foto: Ed Santps/Acorda Cidade

“Eu sou moradora de um condomínio aqui e ficamos muito felizes com essa obra que tem emenda da deputada Dayane Pimentel, porém do nada a obra parou e há muitos transtornos. Inclusive, há três condomínios aqui ao lado que também a poeira está tomando conta de tudo. Casa, carro, tudo, empoeirado. A gente limpa e na mesma hora está tudo podre, porque quando os veículos passam pela rua sobre aquela poeira”, relatou a moradora Mayana Nascimento ao Acorda Cidade.

Outro morador, Brasiliano Sacramento, informou ao Acorda Cidade que a situação tem causado também problemas de saúde a moradores, principalmente crianças.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

“O pessoal começou a obra e era para dar continuidade, mas pararam e ficou essa poeira que invade as casas. Há crianças com asma, e já tem criança hospitalizada por causa dessa poeira da obra, as crianças não conseguem respirar direito. Eles pararam a obra e alegam que estão fazendo orçamento para comprar pó de brita e passar o asfalto aqui para concluir”, informou.

Nota de esclarecimento

“O serviço não paralisou e nem foi abandonado, o que aconteceu foi que a equipe de terraplenagem terminou o serviço e já saiu do local para outra obra nossa e a equipe do asfalto já está iniciando os serviços. Quando houve a reclamação de poeira foi colocado o pipa nas vias até a equipe de asfalto chegar.
A Engefort não abandona nenhum serviço , pois nosso compromisso é iniciar e entregarmos as obras o mais rápido possível, para evitar qualquer contratempo a população.”

A assessoria da deputada Dayane Pimentel também entrou em contato com a empresa e informou por meio de nota ao Acorda Cidade que: “as intervenções no local tiveram pausa após o dia 1 de abril, devido ao feriado da Semana Santa, e não retornaram ainda por conta do ‘período chuvoso”.

Confira na íntegra:

Em contato com a empresa Engefort, responsável pela execução das obras de pavimentação asfáltica na Rua Eunápolis, a deputada federal Professora Dayane Pimentel (PSL/BA), recebeu a informação de que a execução do serviço não foi paralisada segundo consta na matéria “Moradores reclamam de obra parada e poeira em rua do bairro Papagaio”, publicada nesta quinta-feira (8) no site Acorda Cidade. As intervenções no local tiveram pausa após o dia 1 de abril, devido ao feriado da Semana Santa, e não retornaram ainda por conta do período chuvoso.

A previsão dada pela Engefort é de retorno das fases de pavimentação asfáltica já nesta sexta-feira (9), havendo a chegada do material necessário e estiagem das chuvas. As obras, cuja viabilidade econômica foi possibilitada por indicação da deputada Dayane Pimentel, foram contratadas via Codevasf e têm dois meses de prazo para a conclusão. A parlamentar também ressalta que a responsabilidade pelo cumprimento dos prazos das intervenções compete ao órgão federal e à empresa contratada. “A mim compete fiscalizar. E tenho cumprido essa função”, ressaltou a Professora Dayane.

“Os transtornos causados pelas obras são temporários, mas os benefícios serão duradouros”, disse a parlamentar. Em contato com a empresa que executa a obra, a deputada recebeu, por meio de sua assessoria, a informação de que caminhões-pipas serão utilizados para molhar a terra e evitar a elevação de poeira no ar. 
 

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade
 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Psicóloga fala sobre como vivenciar o processo de luto e se reconectar com a vida em meio à pandemia
Feira de Santana

Psicóloga fala sobre como vivenciar o processo de luto e se reconectar com a vida em meio à pandemia

Hoje, completa-se um ano da primeira morte por Covid-19, em Feira de Santana.

Nova estrada do bairro Papagaio será entregue nesta segunda-feira (19)
Feira de Santana

Nova estrada do bairro Papagaio será entregue nesta segunda-feira (19)

A via faz parte de um complexo de mobilidade urbana que está sendo implantado na zona norte da cidade.

Presidente do consórcio que administra o Shopping Popular diz que comerciantes precisam saber dialogar
Feira de Santana

Presidente do consórcio que administra o Shopping Popular diz que comerciantes precisam saber dialogar

Para Elias Tergilene, as pessoas que estão insatisfeitas precisam sentar com uma pauta definida.

Vídeo

Idosos e acompanhantes se aglomeram em fila de vacina na UBS do Dispensário Santana Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram