Acorda Cidade - Dilton Coutinho

26 de Outubro de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Dilton e Feito

Todas as notícias
Publicado em 16/09/2020 08h37.

Reforma administrativa da Câmara vai representar economia de R$ 400 milhões por ano aos cofres públicos

Segundo Sampaio, a reforma administrativa visa adequar o Parlamento à imposição constitucional do teto de gastos que limita o aumento das despesas públicas.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Reforma administrativa da Câmara vai representar economia de R$ 400 milhões por ano aos cofres públicos
Foto: Reprodução

A reforma administrativa da Câmara dos Deputados apresentada no início do mês pelo presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ) prevê uma economia de, aproximadamente, R$ 400 milhões por ano aos cofres públicos. Essa é a estimativa prevista pelo Diretor-Geral da Casa, Sérgio Sampaio, que coordena o modelo de reestruturação elaborado com base nos estudos conduzidos pela Falconi Consultoria a partir de Acordo de Cooperação Técnica com o Movimento Brasil Competitivo (MBC). Segundo Sampaio, a reforma administrativa visa adequar o Parlamento à imposição constitucional do teto de gastos que limita o aumento das despesas públicas. Ele afirmou que se a Câmara repusesse todo o quadro de pessoal que se aposenta, em um curto espaço de tempo, estouraria o teto. Entre as mudanças propostas estão a extinção de 1000 cargos efetivos e de 500 cargos em comissão. “Vamos nos readequar a uma nova realidade, com um quadro mais enxuto, uma nova Câmara que vai ter os servidores nas atividades que dizem respeito à função legislativa e às atividades estratégicas”, disse Sampaio. Segundo o diretor-geral, o ajuste fiscal atinge todos os órgãos públicos, dos Três Poderes e das três esferas de governo (federal, estadual e municipal), sobretudo, no período de pós-pandemia. Ele destacou que toda a administração pública vai ser chamada a colaborar. “Queremos  uma administração pública, em todos os poderes, mais eficiente. Além da economia, estamos falando da valorização da carreira dos servidores”, reiterou. As informações são da Agência Câmara. 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Vereadores advertem para boatos do tipo 'esse já está eleito', por candidatos à Câmara
Dilton e Feito

Vereadores advertem para boatos do tipo 'esse já está eleito', por candidatos à Câmara

O vereador Edvaldo Lima (MDB), iniciou o debate sobre o assunto na câmara.

Bolsonaro: 'Vacina obrigatória só no Faísca'
Dilton e Feito

Bolsonaro: 'Vacina obrigatória só no Faísca'

Ele usou as redes sociais para brincar com o embate em torno da vacinação obrigatória.

Confira a agenda de hoje (24) dos candidatos a prefeito de Feira de Santana
Eleições 2020

Confira a agenda de hoje (24) dos candidatos a prefeito de Feira de Santana

Parte dos candidatos não enviou a agenda do dia.

Vídeo

Entrevista com a candidata a prefeita de Feira de Santana, Marcela Prest (PSOL) Veja mais Vídeos ›

Podcast

Entrevista com a candidata a prefeita de Feira de Santana, Marcela Prest (PSOL)
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram