Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • Gov BA modelo de gestão
  • Gov BA modelo de gestão
18 de Agosto de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Polícia

Todas as notícias
Publicado em 19/07/2019 15h22.

Médico cearense suspeito de abusar de mulheres em consulta e filmar os crimes é preso

Médico é também prefeito de Uruburetama. Profissionais que analisaram as imagens feitas pelo médico avaliam que se caso se trata 'claramente' de estupro das pacientes.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Médico cearense suspeito de abusar de mulheres em consulta e filmar os crimes é preso
Foto: Reprodução/TVM

Acorda Cidade

O médico e prefeito de Uruburetama, José Hilson de Paiva foi preso preventivamente por suspeita de abusar de mulheres e filmá-las com câmeras escondidas, sem o consentimento das pacientes. Ele recebeu voz de prisão ao se apresentar, acompanhado do advogado, na Delegacia Geral da Polícia Civil, em Fortaleza.

A prisão foi determinada nesta sexta-feira (19) pelo juiz José Cléber Moura do Nascimento, que considerou a medida necessária para preservar as provas e evitar a influência do prefeito nas investigações.

"A prisão preventiva se faz necessária a fim de preservar higidez das provas a serem produzidas em juízo eis que, da leitura das peças, depreende-se que o representado vinha utilizando sua influência para se manter impune ao longo de vários anos", decidiu o juiz.

Para o advogado, o argumento é "absolutamente incabível" pelo fato de o prefeito estar afastado do cargo do prefeito e impedido de exercer atividade médica.

Denúncias desde a década de 1980

O prefeito de Uruburetama é denunciada por abusos sexuais de pacientes desde a década de 1980. No caso mais recente, em 2018, quatro mulheres disseram terem sido estupradas pelo médico enquanto eram atendidas.

Outras pacientes ouvidas pelo Fantásticos afirmaram não ter coragem de informar as autoridades sobre o caso porque dependiam do prefeito para garantir emprego ou serviço público.

A Justiça determinou também busca e apreensão de objetos em dois endereços de José Hilson nas cidades de Fortaleza e Uruburetama. A medida é para apreender computadores, celulares, tablets, HDs externos, CDs e DVDs gravados, receituários médicos, prescrições, agendas de consultas, além de outros objetos relacionados ao investigado.

O G1 teve acesso a 63 arquivos de vídeos que mostram José Hilton de Paiva atendendo a pacientes em consultórios nas cidades de Uruburetama e Cruz. Profissionais da Associação Médica Brasileira assistiram ao conteúdo e avaliam que se trata "claramente" de estupro das pacientes.

Em entrevista ao Fantástico na semana passada, o médico afirmou que fez sexo com o consentimento das pacientes e que nunca fez nada "à força". Para ele, as denúncias são uma "jogada política" de políticos de oposição.

Após as denúncias, os órgãos reagiram às acusações contra o prefeito:

O PCdoB expulsou José Hilton do partido;

Vereadores afastaram José Hiltom do cargo de prefeito;

O Conselho Regional de Medicina impediu que ele exerça a profissão de medicina por seis meses.
A Associação Cearense de Ginecologia também informou, na última terça-feira (16), que o médico não tem a especialidade ginecológica, apesar de ter atuado por 30 anos na área.

Fonte: G1

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

PRF recupera carga de agrotóxicos avaliada em R$ 740 mil e resgata caminhoneiro feito refém em tentativa de assalto
Bahia

PRF recupera carga de agrotóxicos avaliada em R$ 740 mil e resgata caminhoneiro feito refém em tentativa de assalto

Homem transportava mercadoria na BR-101, quando foi atacado por criminosos armados. Suspeitos fugiram ao perce...

Polícia

Justiça decreta prisão preventiva contra dois filhos de Flordelis

Anderson foi assassinado na madrugada de 16 de junho, na residência do casal, em Niterói.

Polícia

Operação cumpre quatro mandados de prisão em Anguera

A ação é uma resposta aos crimes contra a vida que ocorreram na cidade entre os anos de 2016 a 2018.

Vídeo

Idoso de 83 anos tem traumatismo craniano após ser agredido por homem no bairro Capuchinhos Veja mais Vídeos ›

Podcast

Trabalhadores protestam a favor da educação durante ato público em Feira de Santana
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram