Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  •  Reserva Lumiere
  • Gov BA modelo de gestão
18 de Agosto de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Polícia

Todas as notícias
Publicado em 18/07/2019 16h49.

Suspeito de encomendar morte de enfermeira é preso; homem era companheiro da vítima

Segundo polícia, homem pagou R$ 1,5 mil para assassinos da vítima, porque considerava que ela não dava importância ao relacionamento e se relacionava com outras pessoas.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Suspeito de encomendar morte de enfermeira é preso; homem era companheiro da vítima
Foto: Reprodução / TV Subaé

Acorda Cidade

O suspeito de encomendar a morte da enfermeira que foi morta na cidade de Alagoinhas, a 110 km de Salvador, em 2017, foi preso na manhã desta quinta-feira (18). Antônio Roberto Freitas Valverde Junior, de 37 anos, era companheiro da vítima.

Conforme a Polícia Civil, ele pagou R$ 1,5 mil para os assassinos porque considerava que ela não dava importância ao relacionamento e também se relacionava com outras pessoas.

Segundo informações da polícia, Antônio Roberto teve o mandado de prisão preventiva cumprido no bairro de Alagoinhas Velha, em Alagoinhas.

De acordo com a polícia, Rosângela Gomes Costa, de 35 anos, foi encontrada morta em 21 de abril de 2017 após ser agredida a socos e facadas em um dos quartos da casa dela, no bairro do Barreiro. A vítima estava vendada e com os braços amarrados.

A Polícia Civil informou que Antônio e Rosângela tinham um relacionamento conturbado, marcado por ciúmes e cobranças da parte do suspeito. Os outros dois suspeitos de cometerem o crime permanecem presos na delegacia da cidade.

Além de enfermeira, Rosângela Costa também era professora universitária.

Caso
O primeiro suspeito a ser preso foi Edvan Alves dos Santos, no dia 29 de abril de 2017. Segundo a polícia, ele já havia realizado serviços para a vítima. Ele foi identificado após o celular da enfermeira ser apreendido com um homem que teria comprado o aparelho na mão do suspeito.

O outro suspeito do crime foi encontrado pela polícia no dia 10 de maio. Ele estava escondido em uma casa da cidade onde ocorreu o crime, mas foi denunciado. A polícia informou que o homem nega que tenha participado do crime. A identidade dele não foi divulgada.

Em junho de 2017, Edvan Alves mudou a versão do depoimento dele para a polícia e disse que ele e o comparsa foram contratados para cometer o crime. Inicialmente, segundo a Polícia Civil, ele havia afirmado que matou a vítima para roubar os pertences dela.

Fonte: G1

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

PRF recupera carga de agrotóxicos avaliada em R$ 740 mil e resgata caminhoneiro feito refém em tentativa de assalto
Bahia

PRF recupera carga de agrotóxicos avaliada em R$ 740 mil e resgata caminhoneiro feito refém em tentativa de assalto

Homem transportava mercadoria na BR-101, quando foi atacado por criminosos armados. Suspeitos fugiram ao perce...

Polícia

Justiça decreta prisão preventiva contra dois filhos de Flordelis

Anderson foi assassinado na madrugada de 16 de junho, na residência do casal, em Niterói.

Polícia

Operação cumpre quatro mandados de prisão em Anguera

A ação é uma resposta aos crimes contra a vida que ocorreram na cidade entre os anos de 2016 a 2018.

Vídeo

Idoso de 83 anos tem traumatismo craniano após ser agredido por homem no bairro Capuchinhos Veja mais Vídeos ›

Podcast

Trabalhadores protestam a favor da educação durante ato público em Feira de Santana
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram