Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • SECOM
18 de Outubro de 2019
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Política

Todas as notícias
Publicado em 04/07/2019 21h04.

Comissão rejeita regras especiais de aposentadoria para policiais

Pelo texto aprovado pela comissão especial, policiais federais e legislativos se aposentarão aos 55 anos de idade, com 30 anos de contribuição e 25 anos de exercício efetivo na carreira.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Comissão rejeita regras especiais de aposentadoria para policiais
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Acorda Cidade

Agência Brasil - A comissão especial da reforma da Previdência (PEC 6/19) na Câmara dos Deputados rejeitou na tarde desta quinta-feira (4), por 31 votos a 17, a mudança nas regras de aposentadoria para agentes de segurança.

Pelo texto aprovado hoje pela comissão especial, policiais federais e legislativos se aposentarão aos 55 anos de idade, com 30 anos de contribuição e 25 anos de exercício efetivo na carreira, independentemente de distinção de sexo.

A regra incluirá profissionais que exercem atividades ligadas à segurança pública, entre eles policiais federais e rodoviários federais, servidores da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), policiais legislativos, civis e militares, bombeiros, agentes de trânsito, penitenciários e socioeducativos, oficiais de justiça e guardas municipais.

Aos gritos de "PSL traiu a polícia do Brasil", policiais que têm acompanhado a votação da proposta na Câmara reagiram à derrubada do destaque. Apesar da pressão dos policiais, já era previsto que a alteração não fosse acatada na comissão. Ontem (3), parlamentares de vários partidos se reuniram com presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), para tentar viabilizar a aprovação da proposta na comissão. Além das regras diferenciadas para policiais, estados e municípios também foram retirados no texto do relator, deputado Samuel Moreira (PSDB-SP).

“Antes de chegar ao plenário, vamos conversar com os representantes das policiais para avisar que no nosso ponto de vista eles não terão o mesmo direito das Forças Armadas, até porque são uma federação. Isso vai precisar ficar claro. Essa é uma polêmica grande”, disse Maia.

Mais cedo, o presidente Jair Bolsonaro fez um apelo para que fossem atendidas pelo menos em parte as reivindicações dos policiais no texto da reforma.

Neste momento, parlamentares apreciam as sugestões de modificação ao texto do relator. Ao todo, foram propostos 17 destaques de bancada e 88 individuais com sugestões de mudanças ao texto-base. A comissão, no entanto, não apreciará as propostas individuais. Já as propostas de bancadas serão analisadas uma por uma.

O parecer do relator foi aprovado por 36 votos a favor e 13 contra. Para deputados da base governista, reformar a Previdência é fundamental para reverter o déficit no sistema de aposentadorias e pensões. Para os favoráveis à PEC, a reforma vai trazer de volta a geração de emprego e renda na economia brasileira. Já os parlamentares da oposição consideram que a reforma vai desmontar o sistema de Previdência Social e será mais dura com os mais pobres.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Entenda o racha entre Jair Bolsonaro e o PSL
Crise no PSL

Entenda o racha entre Jair Bolsonaro e o PSL

Disputa envolve controle da legenda e das verbas milionárias do fundo partidário e do fundo eleitoral, além...

Professoras da Rede Municipal são homenageadas em sessão especial da Câmara de Vereadores
Feira de Santana

Professoras da Rede Municipal são homenageadas em sessão especial da Câmara de Vereadores

O secretário de Educação, Marcelo Neves, esteve presente na sessão e foi também homenageado.

Política

Senado aprova texto e histórico pode agravar pena por crime ambiental

A proposta acrescenta à Lei de Crimes Ambientais (Lei 9.605 de 1998) considerações sobre os antecedentes da...

Vídeo

Incêndio em oficina destrói veículos e assusta moradores do bairro Pedra do Descanso Veja mais Vídeos ›

Podcast

Ouça o Programa desta Sexta-Feira 18.10:
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram