Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • SECOM
17 de Julho de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Política

Todas as notícias
Publicado em 17/06/2019 00h06.

Bolsonaro diz que avalia reduzir para 4% imposto sobre produtos de TI

No Twitter, ele citou computadores, celulares e jogos eletrônicos.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Bolsonaro diz que avalia reduzir para 4% imposto sobre produtos de TI
Foto: Divulgação

Acorda Cidade

Agência Brasil - O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (16) que o governo federal estuda a possibilidade de reduzir impostos cobrados sobre a importação de produtos do setor de tecnologia da informação, entre eles, computadores e celulares. Por meio de sua conta no Twitter, Bolsonaro afirmou que a redução poderia ser de 16% para 4%.

"Para estimular a competitividade e inovação tecnológica, o governo estuda, via secretaria do Ministério da Economia, a possibilidade de reduzir de 16% para 4% os impostos sobre importação de produtos de tecnologia da informação, como computadores e celulares", disse.

O presidente disse que também está sendo avaliada a redução de impostos para jogos eletrônicos. 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Votação da reforma da Previdência em segundo turno fica para agosto
Política

Votação da reforma da Previdência em segundo turno fica para agosto

O secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, disse acredita...

Comissão especial da Câmara aprova texto da reforma da Previdência
Política

Comissão especial da Câmara aprova texto da reforma da Previdência

Parlamentares não poderão alterar o texto na votação em segundo turno.

Mulheres terão aposentadoria integral cinco anos antes dos homens
Reforma da previdência

Mulheres terão aposentadoria integral cinco anos antes dos homens

Fórmula de cálculo foi amenizada para mulheres, mas não para homens.

Vídeo

Padre Marcelo Rossi sofre ataque durante a missa Veja mais Vídeos ›

Podcast

Quarta edição do Passeio Ciclístico da Paróquia Senhor do Bonfim é realizada neste domingo
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram