Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • SECOM
18 de Outubro de 2019
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Polícia

Todas as notícias
Publicado em 14/06/2019 20h56.

Reunião discute metas e ações de combate a criminalidade em Feira de Santana no segundo semestre

Reunião contou com a presença de policiais civis e militares.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Reunião discute metas e ações de combate a criminalidade em Feira de Santana no segundo semestre
Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade | Coordenador regional de polícia, Delegado Roberto Leal

Andrea Trindade

Uma reunião interna para discutir ações de segurança pública para este segundo semestre, em Feira de Santana, foi realizada na manhã da última quinta-feira (13), na sede do Comando de Policial Regional Leste (CPRL), na Avenida Maria Quitéria.

Estavam presentes o coronel Luziel Andrade, comandante do CPRL, o coordenador regional de Polícia Civil (1ª Coorpin), Roberto Leal, comandantes das Companhias Independentes da Polícia Militar (CIPMs), delegados de várias especializadas e o diretor do Conjunto Penal de Feira de Santana, Capitão Allan Araújo.

O coronel Luziel disse ao Acorda Cidade que no encontro foi discutido o que pode ser feito para ajustar a atuação de todas as equipes envolvidas e para avaliar o que tem sido feito.

O coordenador regional de polícia, delegado Roberto Leal, destacou o empenho das autoridades de segurança pública em reduzir os índices de homicídio e que estão sendo planejadas ações para combater os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs).

“Estamos realizando o planejamento para o segundo semestre, com algumas discussões extremamente importantes e sobre a preocupação que temos com o segundo semestre de 2019. No ano passado foram registrados no segundo semestre 151 homicídios, então temos uns índices para enfrentar e é extremamente complicada essa situação. Estamos atentos, as ações serão extremamente planejadas e essas reuniões ocorrerão de forma constante para que a gente faça um trabalho aliado e para que a gente consiga a redução deste índices”, informou.

Segundo o delegado foram discutidos vários temas na reunião, entre eles a situação do bairro Mangabeira, que atualmente é o bairro com o maior número de homicídios no ano, o tráfico de drogas e outras situações relacionadas ao aumento dos índices de assassinatos no município.

“A gente conseguiu reduzir os índices no ano passado, neste ano a gente também consegue. Vamos pensar em todo o segundo semestre, desde agora até o dia 31 de dezembro, quais são as ações que podemos desencadear principalmente em relação ao tráfico de entorpecentes que realmente ainda continua sendo a maior motivação da maioria dos homicídios para que assim a gente consiga a redução necessária”, afirmou em entrevista ao Acorda Cidade.

Roberto Leal informou também que a polícia tem o importante apoio da população e que através de denúncias tem localizado suspeitos e apreendido armas.

“A população sempre tem nos ajudado denunciando as pessoas que estão no trafico de drogas. Chegaram vários relatos do bairro Mangabeira sobre pessoas envolvidas com o tráfico, homicídios e que estavam andando armadas. A polícia logrou êxito em prender vários usando armas”.

Com informações do repórter Aldo Matos do Acorda Cidade 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Garoto de 15 anos é baleado enquanto participava de culto evangélico em praça de Salvador
Polícia

Garoto de 15 anos é baleado enquanto participava de culto evangélico em praça de Salvador

Caso ocorreu no bairro de Pernambués. Menino foi socorrido e lavado para o HGE. Suspeitos fugiram.

Laudos afirmam que Raíssa foi estuprada antes de ser morta em parque na Zona Norte de SP
Polícia

Laudos afirmam que Raíssa foi estuprada antes de ser morta em parque na Zona Norte de SP

Polícia ainda aguarda o resultado do cruzamento do material biológico encontrado na menina com o do DNA do m...

Campanha da 67ª CIPM contempla mais de 700 crianças com a doação de brinquedos
Polícia

Campanha da 67ª CIPM contempla mais de 700 crianças com a doação de brinquedos

Os brinquedos foram doados por empresas da cidade de Feira de Santana.

Vídeo

Incêndio em oficina destrói veículos e assusta moradores do bairro Pedra do Descanso Veja mais Vídeos ›

Podcast

Ouça o Programa desta Sexta-Feira 18.10:
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram