Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • Governo Sefaz
19 de Março de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Saúde

Todas as notícias
Publicado em 13/03/2019 16h30.

Médicos e enfermeiros participam de capacitação de diagnóstico e manejo clínico de dengue no Hospital Clériston Andrade

Segundo dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), cinco pessoas foram a óbito na Bahia, vitimas de dengue.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Médicos e enfermeiros participam de capacitação de diagnóstico e manejo clínico de dengue no Hospital Clériston Andrade
Foto: Divulgação

Acorda Cidade

A direção do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA) e o Núcleo Regional de Saúde Centro-leste, diante do atual cenário de surto de dengue em Feira de Santana, promoveram na manhã desta quarta-feira (13), uma capacitação voltada para médicos e enfermeiros do HGCA e da UPA do Estado.

O evento contou com a presença do médico infectologista da Secretaria Estadual de Saúde da Bahia, Dr. Antônio Bandeira, que tratou sobre sintomas, diagnóstico e tratamento da dengue. “São vários os sintomas de dengue, como febre, vômito, sangramento, dor abdominal, dentre outros, porém como estamos vivendo uma situação de surto, uma febre alta já é um grande indício para dengue e devemos ficar atentos ao problema”, afirmou Dr. Bandeira.

De acordo com Aurélio Sciaretta, diretor-médico do HGCA, a capacitação visa garantir um atendimento ainda mais eficaz para pacientes com dengue. “Nosso objetivo é que todo corpo médico e de enfermeiros participem da capacitação de diagnóstico e manejo da dengue”, disse Dr. Aurélio, acrescentando que nesta sexta-feira (15), às 14h30, a Dra. Melissa Falcão, Infectologista, vai realizar mais um treinamento sobre dengue no auditório do HGCA.

Este ano, segundo dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), cinco pessoas foram a óbito na Bahia, vitimas de dengue. Trata-se de uma doença febril aguda causada por um vírus, sendo um dos principais problemas de saúde pública no mundo. É transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, que se desenvolve em áreas tropicais e subtropicais. A dengue é uma doença potencialmente grave, porque pode evoluir para a dengue hemorrágica a síndrome do choque da dengue, caracterizadas por sangramento e queda de pressão arterial, o que eleva o risco de morte. A melhor maneira de combater esse mal é atuando de forma preventiva, impedindo a reprodução do mosquito.
 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Um dos pescados mais amados pelos brasileiros, bacalhau oferece vários benefícios para a saúde
Quaresma

Um dos pescados mais amados pelos brasileiros, bacalhau oferece vários benefícios para a saúde

Peixe que faz parte do cardápio em datas religiosas, possui uma série de nutrientes importantes para o corpo...

Após acordo, médicos anestesistas retomam atendimento pelo Planserv
Bahia

Após acordo, médicos anestesistas retomam atendimento pelo Planserv

Paralisação com o Planserv começou no dia 7 de janeiro deste ano. Negociações foram finalizadas na sexta-...

Saúde

Março Amarelo marca mês de conscientização sobre a endometriose

No Brasil, 6,5 milhões de mulheres são afetadas pela doença.

Vídeo

Professores protestam com bolo de aniversário; prefeito considera a greve ilegal Veja mais Vídeos ›

Podcast

Associação de técnicos de segurança eletrônica e incêndio é criada em Feira de Santana
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram