Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • Educa Mais Brasil
  • Nota Premiada
22 de Janeiro de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Economia

Todas as notícias
Publicado em 12/01/2019 11h42.

Construção civil registra inflação de 4,41% em 2018

O valor ficou acima dos 3,82% de 2017.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Construção civil registra inflação de 4,41% em 2018
Foto: Divulgação

Acorda Cidade

O Índice Nacional da Construção Civil, que é medido pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o IBGE, fechou o ano passado com uma taxa de inflação de 4,41%. O valor ficou acima dos 3,82% de 2017.

Com a alta, o custo nacional da construção por metro quadrado ficou em R$ 1.113,88. Para entender melhor esse valor, o gerente da pesquisa do Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (Sinapi), Augusto Oliveira, explica como funciona o cálculo.

“A partir de 20 projetos de edificações residenciais, nós calculamos a alternativa mais barata para construção daquele projeto. O mesmo projeto pode, de um mês para o outro, utilizar produtos diferentes da construção civil, com a intenção de fazer o mesmo serviço. A partir deste cálculo, de quanto sai aquele projeto, nós fazemos o custo por metro quadrado de cada uma dessas 20 edificações. Então não é um índice de preços, é um índice de custos.”

Segundo o levantamento do IBGE, os custos com materiais de construção ficaram 6,3% mais caros em 2018, passando a ser de R$ 579,33 por metro quadrado. Já os gastos com mão de obra subiram 2,45% no período e passaram a custar R$ 534,55 por metro quadrado.

Em dezembro do ano passado, a inflação ficou em 0,22%, abaixo da taxa de 0,24% de novembro. Já o preço dos materiais cresceu 0,45% no mês, enquanto o custo da mão de obra recuou 0,02%.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Falha técnica atrasa transferências eletrônicas para contas da Caixa
Economia

Falha técnica atrasa transferências eletrônicas para contas da Caixa

Banco diz que situação foi regularizada

Seguro-desemprego é reajustado em 3,43%
Economia

Seguro-desemprego é reajustado em 3,43%

Parcela máxima passa para R$ 1.735,29.

Intenção de consumo das famílias cresce 5,1% de dezembro para janeiro
Economia

Intenção de consumo das famílias cresce 5,1% de dezembro para janeiro

Com a alta, o indicador chegou a 95,9 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos.

Vídeo

Câmera registra momento em que ônibus colide em van em Feira de Santana Veja mais Vídeos ›

Podcast

Rui garante nomeação de coordenadores pedagógicos
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram