Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • Educa Mais Brasil
  • Educa Mais Brasil
23 de Janeiro de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Viagens

Todas as notícias
Publicado em 24/12/2018 07h58.

Expedição de bike valoriza roteiro turístico da Estrada Real - Caminhos da Bahia Colonial

Setur e CBPM realizaram entre 2014 e 2017, o georreferenciamento da Estrada Real, em território baiano.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Expedição de bike valoriza roteiro turístico da Estrada Real - Caminhos da Bahia Colonial
Foto: Tatiane Azeviche

Acorda Cidade

Os resultados alcançados com a realização da 'Expedição Estrada Real - Caminhos da Bahia Colonial', foram positivamente avaliados na sexta-feira (21) pelo secretário do Turismo da Bahia, José Alves, durante reunião com o presidente da Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM), Alexandre Brust e equipe técnica.

Setur e CBPM são responsáveis por trabalho conjunto visando à consolidação dos 'Caminhos da Bahia Colonial. Para tanto, realizaram entre 2014 e 2017, o georreferenciamento da Estrada Real, em território baiano. O estudo identificou as coordenadas exatas do Caminho Real e os indicativos do potencial turístico ao longo do trecho compreendido entre Rio de Contas e Jacobina, numa extensão de 750 Km.

A expedição sobre bicicletas acaba de percorrer os Caminhos da Estrada Real da Bahia, únicas vias de acesso do sertão durante o século XVIII, por onde passavam aventureiros, escravos e tropeiros. São trechos calçados, rústicos, de pedra irregular, circundadas por igrejas e outras construções da época, além das riquíssimas belezas naturais da Chapada Diamantina.

"Esta iniciativa é relevante porque contribui para a consolidação dos Caminhos da Bahia Colonial", disse o secretário estadual do Turismo, José Alves, referindo-se ao fato de a expedição de bike ter percorrido a caatinga, passando por trechos originais do caminho do ouro, no século XVIII. "Estão cadastrados, nesta região Oeste da Chapada, sítios arqueológicos, pinturas rupestres, grutas etc", acrescentou o secretário.

Para 2019, a meta da Setur é implantar sinalização turística ao longo do eixo entre Rio de Contas e Jacobina e mobilizar setores público e privado para novos investimentos, valorizando ainda mais aspectos histórico-culturais da rota do ouro.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Verão estimula o ecoturismo na Chapada Diamantina
Turismo

Verão estimula o ecoturismo na Chapada Diamantina

Com montanhas, rios, cachoeiras, grutas e cidades de casario colonial que fizeram história durante o Ciclo do...

7 eventos para curtir no Uruguai em fevereiro
Turismo

7 eventos para curtir no Uruguai em fevereiro

Eventos no país marcam a cultura, tradição e história no segundo mês do ano

Como escolher o acessório automotivo ideal para as viagens de férias
Viagens

Como escolher o acessório automotivo ideal para as viagens de férias

Itens impedem que, no caso de uma freada brusca ou manobra, objetos sejam lançados dentro do veículo, ferind...

Vídeo

Câmera registra momento em que ônibus colide em van em Feira de Santana Veja mais Vídeos ›

Podcast

Rui garante nomeação de coordenadores pedagógicos
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram