Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • Nota Premiada
  • Educa Mais Brasil
19 de Janeiro de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Feira de Santana

Todas as notícias
Publicado em 09/06/2016 15h31.

Gestante não consegue atendimento e bebê morre ao cair no chão durante trabalho de parto

De acordo com Silvio Sena Souza, que é marido de Patrícia, após tentar atendimento nove vezes no Hospital Geral Clériston Andrade e também no Hospital da Mulher, o filho deles caiu no chão, bateu a cabeça e morreu.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Gestante não consegue atendimento e bebê morre ao cair no chão durante trabalho de parto
Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Daniela Cardoso

Sem conseguir atendimento em hospitais de Feira de Santana, Patrícia dos Santos Silva, 29 anos, que estava grávida de oito meses, viu o filho morrer aos seus pés. De acordo com Silvio Sena Souza, que é marido de Patrícia, após tentar atendimento nove vezes no Hospital Geral Clériston Andrade e também no Hospital da Mulher, o filho deles caiu no chão, bateu a cabeça e morreu.

“Saímos do Clériston ontem as 3h da manhã sem atendimento. Eles falaram que minha esposa não estava na hora de ter a criança. Ela estava com oito meses, mas a gravidez dela era de risco e ela necessitava fazer um parto cesariano. Tenho todos os documentos para provar. A médica disse que não ia atender, então voltei para casa, depois fui para o Hospital da Mulher, mas também não atenderam”, disse.

O marido de Patrícia conta que após ter os atendimentos negados, eles foram até o posto de saúde do bairro Limoeiro, onde moram. Ele afirma que chegou ao local as 8h e uma médica que estava de plantão tentou contato com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para solicitar uma ambulância, mas até por volta de 11h não havia conseguido.

“Às 11h a médica ainda tentava solicitar a ambulância. A minha esposa levantou, pois estava sentindo muitas dores, a criança caiu no chão, bateu a cabeça e morreu aos meus pés e da minha esposa. Fiquei desesperado”, relatou.

De acordo com o marido de Patrícia, no Hospital da Mulher os médicos informaram que não iam atender porque Patrícia tinha que tirar líquido, pois deu excesso na barriga e a criança estava sem desenvolver. Já no Clériston Andrade que segundo ele, é o hospital que tem o aparelho, os médicos informaram que não iam fazer o procedimento, pois não tinha leito para deixar a criança.

Patrícia dos Santos Silva está internada no Hospital Clériston Andrade em estado estável.

Hospital Geral Clériston Andrade

A assessoria de imprensa do HGCA informa que a paciente foi atendida por volta das 18 horas e que o médico avaliou a paciente, que não estava em trabalho de parto. Ainda conforme a assessoria, a médica que examinou a paciente concluiu que não se tratava de uma paciente de alto risco.

Hospital da Mulher

Nota pública

A gestante Patrícia dos Santos Silva, 29 anos, 35 semanas de gestação (prematuro), foi avaliada nesta unidade no dia 08.06.2016 às 21:25 horas, por médico obstetra, queixando-se de desconforto respiratório (dispneia) devido à polihidrâmnio (aumento do líquido amniótico). Ao exame: batimentos cardiofetais (BCF) audíveis com 149 bpm, contrações uterinas ausentes – portanto não estava em trabalho de parto. Foi encaminhada para unidade de alto risco pela necessidade de realização de procedimento de retirada de líquido amniótico (amniocentese) com o objetivo de diminuir tal desconforto. Importante salientar que estávamos sem vagas disponíveis para UTI e Berçário (feto com suspeita de crescimento intra-uterino retardado – CIUR). O hospital ainda chegou a internar a paciente para que ela fosse regulada no dia seguinte, mas o casal se recusou a permanecer no hospital e foi embora. Agradecemos o apoio e aproveito o ensejo para reiterar a V.S.ª os maiores elevados protestos de consideração e apreço e colocando-nos à disposição para outras informações, acaso necessárias, subscrevemo-nos.

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade
 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Cooperados recebem neste sábado pagamento de cinco dias restantes do salário de dezembro
Feira de Santana

Cooperados recebem neste sábado pagamento de cinco dias restantes do salário de dezembro

Trata-se de prestadores de serviços que recebiam em instituições financeiras diversas, mas que precisaram m...

Caravana da Seprev leva ações sociais para o distrito Maria Quitéria, na próxima terça
Feira de Santana

Caravana da Seprev leva ações sociais para o distrito Maria Quitéria, na próxima terça

Em janeiro, cinco datas já estão programadas.

Com atraso de obras, Shopping Popular deve ter novo prazo de entrega, diz secretário
Feira de Santana

Com atraso de obras, Shopping Popular deve ter novo prazo de entrega, diz secretário

O secretário Borges Júnior falou ainda sobre o processo de transferência dos camelôs quando o prédio for ...

Vídeo

Câmera registra momento em que ônibus colide em van em Feira de Santana Veja mais Vídeos ›

Podcast

Rui garante nomeação de coordenadores pedagógicos
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram