vai para o início: Alt+i vai para o conteúdo: Alt+c vai para o menu: Alt+m vai para o fim: Alt+f Acessibilidade Brasil Acessibilidade Brasil
Dilton Coutinho
@acordacidade no Twitter
Jornalista briga com convidado e os dois saem no tapa em programa ao vivo http://t.co/OQDXgY3ayr
Ouvir Programa
terça, 22 de julho de 2014
Hora certa:
Editoriais
Colunistas
Links
RSS

Nova lista para o Minha Casa, Minha Vida será divulgada no final deste mês

Serão divulgados 654 nomes para as 520 unidades do empreendimento localizado no bairro Mangabeira, conforme determinação do Ministério das Cidades que exige a indicação de 30% a mais de inscritos com relação a quantidade de imóveis disponibilizados.

18/06/2012 10:15
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letraDiminuir letra
Secom

Foto: Secom

 

Acorda Cidade
 
Mais 520 famílias de baixa renda serão contempladas com a casa própria através do programa “Minha Casa, Minha Vida”. A Secretaria de Habitação está finalizando a lista de indicados para o Residencial Jardim das Oliveiras, que deverá ser divulgada até o final deste mês. A informação é do secretário municipal de Habitação, Gilberto Ruy Souza.
 
Serão divulgados 654 nomes para as 520 unidades do empreendimento localizado no bairro Mangabeira, conforme determinação do Ministério das Cidades que exige a indicação de 30% a mais de inscritos com relação a quantidade de imóveis disponibilizados. “Esta determinação é uma forma de garantir que todas as unidades serão ocupadas, uma vez que muitos convocados não comparecem, ou possuem problemas com documentação, dentre outros problemas”, explica Gilberto Ruy.
 
O Minha Casa, Minha Vida beneficiou 3.580 famílias em 11 empreendimentos no Município. De acordo com o secretário, na primeira etapa do programa foram contratadas 7.338 unidades em 20 empreendimentos construídos nos bairros Conceição, Mangabeira, Feira VII, Aviário, Aeroporto e Papagaio.
 
“Ainda restam três listas para serem editadas para os residenciais Iguatemi 1, Iguatemi 2, Iguatemi 3. Os sorteados para os empreendimentos Alto do Papagaio, Aeroporto 1 e 2 e Residencial Laranjeiras estão entregando a documentação na Secretaria. Em seguida vamos chamar os indicados para o Residencial Aviário 3”, informa.
 
O programa, como destaca Gilberto Ruy Souza, além de proporcionar a realização do sonho da casa própria a milhares de famílias carentes, reduzindo o défict habitacional, contribui para impulsionar a economia do Município. “O Minha Casa, Minha Vida foi possível em Feira de Santana devido o empenho do Governo Municipal. Através desta iniciativa, novos postos de trabalho foram criados dando oportunidade de profissionalização e geração de renda a milhares de pessoas”, avalia.
 
As obras do Minha Casa 1 em Feira de Santana foram executadas pelas construtoras R Carvalho (4), L Marquezzo (5), Cepreng (3), FM Construção (1), Atrium Engenharia (5), FCK (1) e CSO (1). Para a segunda etapa do programa, o Governo Municipal contratou uma média de 6 mil unidades. (Secom)

  • Recomendar
É muito importante a sua participação. Envie para nós a sua sugestão de correção.


Envie esta notícia por e-mail.


É muito importante a sua participação. Em breve entraremos em contato.