Acorda Cidade | Dilton Coutinho | Portal de notícias de Feira de Santana - Bahia

19º 30º Feira de Santana
23 de outubro de 2017

Notícias

Esportes

Empregos

Lazer

Especial

Todas as notícias Dilton e Feito

Maia assume papel de avalista das reformas e do governo

08/08/2017 11h58
O protagonismo de Maia cresceu na crise política causada pela delação da JBS.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Maia assume papel de avalista das reformas e do governo
Foto: Alexandre Ferreira/Câmara dos Deputados

Com o desgaste político sofrido pelo presidente Michel Temer nos últimos meses, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), passou a ocupar o espaço de avalista das reformas - especialmente a da Previdência - e consequentemente, do próprio governo. Até então, Maia era visto como uma espécie de líder do governo Temer na Câmara. O protagonismo de Maia cresceu na crise política causada pela delação da JBS. Lançado como nome para substituir o próprio Temer como solução para a crise, o presidente da Câmara acabou funcionando como uma espécie "garantia" do governo nessa reta final da votação da denúncia contra Temer por corrupção passiva. Até mesmo no Palácio do Planalto há o reconhecimento que o capital político de Temer é limitado neste momento, mesmo com a vitória na semana passada. A avaliação interna é que o presidente terá que gastar novamente o seu capital para derrubar uma segunda denúncia e que isso limita o seu poder de articulação para outros temas. Por isso mesmo, com Temer desgastado, Maia passou a ocupar o posto de principal articulador da reforma da Previdência. E nessa função, virou uma espécie de âncora do governo Temer. As informações são do G1.

É muito importante a sua participação. Envie para nós a sua sugestão de correção.



É muito importante a sua participação. Em breve entraremos em contato.



Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Veja também

PodCast

1º lugar – Categoria de 11 a 14 anos

mais podcast ›

Videos

Ao vivo: CCJ discute parecer pela inadmissibilidade de denúncia contra Temer