Acorda Cidade | Dilton Coutinho | Portal de notícias de Feira de Santana - Bahia

21º 29º Feira de Santana
18 de outubro de 2017

Notícias

Esportes

Empregos

Lazer

Especial

Todas as notícias Polícia

Assassinato de cabeleireiro pode ter sido crime passional, diz delegado

13/06/2017 11h33
A equipe da Delegacia de Homicídios começou a trabalhar para elucidar o assassinato.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra

Daniela Cardoso

Rubem da Conceição Pimentel, 45 anos, foi assassinado no interior de um salão de beleza no bairro Conceição, em Feira de Santana, na noite do último sábado (10). A equipe da Delegacia de Homicídios começou a trabalhar para elucidar o assassinato. De acordo com o delegado Gustavo Coutinho, o crime pode ter sido passional.

“Segundo informações, ele estava na barbearia quando foi surpreendido por um elemento que usava uma pistola calibre 380 e efetuou quatro disparos contra a vítima, sendo que dois atingiram a cabeça e os outros dois o tórax. Segundo informações de parentes da vítima, o crime teria sido passional e o suspeito identificado como Edmar Azevedo de Jesus”, informou o delegado.

Segundo o delegado Gustavo Coutinho, Edmar Azevedo de Jesus está sendo procurado como suspeito do crime. “A vítima estava tendo um relacionamento com a ex de Edmar, de nome Sandra e isso gerou uma briga entre eles. Edmar já teria falado para Sandra que iria matar o Rubem por conta desse triângulo amoroso. O Edmar foi preso dois meses antes por porte de arma, foi preso acusado de cárcere privado da companheira e nesse mesmo dia, o suposto autor esteve à procura da ex-esposa, sacou uma arma e as pessoas viram essa situação”, relatou.

As informações são do repórter Aldo Matos do Acorda Cidade
 

É muito importante a sua participação. Envie para nós a sua sugestão de correção.



É muito importante a sua participação. Em breve entraremos em contato.



Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Veja também

PodCast

1º lugar – Categoria de 11 a 14 anos

mais podcast ›

Videos

Ao vivo: CCJ discute parecer pela inadmissibilidade de denúncia contra Temer