Acorda Cidade | Dilton Coutinho | Portal de notícias de Feira de Santana - Bahia

19º 31º Feira de Santana
22 de outubro de 2017

Notícias

Esportes

Empregos

Lazer

Especial

Todas as notícias Bahia

Cidades do Recôncavo recebem Mostra Internacional de Arte Eletrônica

20/04/2017 11h22
Para essa edição do evento, os curadores e pesquisadores Claudio Manoel Duarte, Danillo Barata e Tatiana Lima tiveram a preocupação em conectar a arte eletrônica com os sons e expressões que compõem a paisagem do Recôncavo da Bahia.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Cidades do Recôncavo recebem Mostra Internacional de Arte Eletrônica
Foto: divulgação

Acorda Cidade

Os municípios de Santo Amaro e Cachoeira recebem da próxima terça-feira (25) ao dia 1º de maio o evento III Paisagem Sonora – Mostra Internacional de Arte Eletrônica do Recôncavo da Bahia, que tem o apoio financeiro do Governo do Estado, por meio do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA). Com a participação de artistas, produtores e pesquisadores que utilizam o vídeo, a música, a arte eletrônica e outras expressões artísticas, a mostra propõe um diálogo entre os cenários das duas cidades e intervenções audiovisuais, exibições e performances em espaços abertos e equipamentos culturais.

Pela primeira vez, o evento acontece também na cidade de Santo Amaro. As duas primeiras edições (2013 e 2015) ficaram concentradas em Cachoeira. Este ano, terá também a presença da pesquisadora de estética e de artes, Nadine Siegert, e da pesquisadora Ute Fendler, especializada em literatura mundial, artes visuais e performance, ambas da Universidade de Bayreuth (Alemanha).

O evento também abriga um bate papo sobre cenas musicais, a oficina A Escritura dos Sons, poesia e performances, entre elas, a de Lívia Mattos, com sua Sanfonástica Mulher-Lona, um miniconcerto embalado pelo som da sanfona. O músico cachoeirano Mateus Aleluia, artista remanescente de ‘Os Tincoãs’, um dos mais importantes grupos vocais dos anos 1970, é outros destaque do passagem Sonora, com show inédito do CD Fogueira Doce, no Teatro Dona Canô (Santo Amaro).

Para essa edição do evento, os curadores e pesquisadores Claudio Manoel Duarte, Danillo Barata e Tatiana Lima tiveram a preocupação em conectar a arte eletrônica com os sons e expressões que compõem a paisagem do Recôncavo da Bahia. Também de trazer para a paisagem de Santo Amaro e Cachoeira sons, experiências e variadas expressões artísticas de outras partes do Brasil e do mundo, para fomentar a ampliação dos horizontes e o intercâmbio entre artistas.

A curadoria também deu atenção especial às expressões de mulheres que produzem e refletem sobre a arte. A programação envolve desde segmentos mais pop da arte eletrônica, como as apresentações de rap, até trabalhos mais experimentais. Leia mais no site da Secretaria de Cultura do Estado (Secult).

É muito importante a sua participação. Envie para nós a sua sugestão de correção.



É muito importante a sua participação. Em breve entraremos em contato.



Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Veja também

PodCast

1º lugar – Categoria de 11 a 14 anos

mais podcast ›

Videos

Ao vivo: CCJ discute parecer pela inadmissibilidade de denúncia contra Temer