Acorda Cidade | Dilton Coutinho | Portal de notícias de Feira de Santana - Bahia

22º 34º Feira de Santana
20 de novembro de 2017

Notícias

Esportes

Empregos

Lazer

Especial

Todas as notícias Feira de Santana

Cartórios não conseguem corrigir documentos e população fica prejudicada

10/10/2014 16h18
A reportagem do Acorda Cidade tentou contato com a chefe do cartório, mas foi informada que ela não estava no momento.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Cartórios não conseguem corrigir documentos e população fica prejudicada
Foto: Ney Silva/Acorda Cidade

Daniela Cardoso e Ney Silva

Os cartórios de registro civil do 1º e 2º ofícios da Comarca de Feira de Santana, localizados no bairro Kalilândia, estão sendo alvos de reclamações por emitirem documentos com incorreções, e as pessoas não conseguem corrigi-los.

Os clientes desses cartórios alegam que estão tendo prejuízos enormes. Uns não conseguem viajar para outros países, outros não conseguem marcar casamentos e até mesmo tirar uma segunda via de identidade está sendo dificultado pelo SAC (Serviço de Atendimento ao Cidadão).

O contador Danilo Pinho Vasconcelos está se preparando para casar. Ele disse que ao chegar ao cartório foi surpreendido pela atualização da certidão de nascimento, que tinha um erro grave. “Na certidão original diz que sou natural de Feira de Santana e na certidão atualizada consta a frase: ‘natural desta cidade’", observa.

Ele disse que procurou a direção do cartório, que não consegue dar uma solução ou um parecer do ocorrido. Danilo informou que já está com a data do casamento marcado, com tudo confeccionado, convites prontos e corre o risco de não conseguir casar na data marcada por conta desse problema.

O aposentado Everaldo Mota Aragão também está tentando corrigir uma certidão de casamento e não consegue. “No documento ao invés de constar o nome dos pais da minha mulher, constam os nomes dos pais do ex-marido dela”, disse. Ele afirmou que está tentando fazer a correção dessa certidão de casamento há 40 dias, mas o cartório não resolve a situação.

O analista de logística Juraci Juliano Neto foi aos cartórios marcar o casamento e exigiram as certidões de nascimento dele e da futura esposa, atualizadas. Ao tirar a segunda via do documento, a certidão dele estava errada, com o nome do pai trocado. “O problema é que vou viajar para os Estados Unidos, em uma transferência de trabalho, e não consigo viajar, por causa dessa pendência”, afirmou.

A técnica de enfermagem Tárcia de Oliveira está tentando corrigir a certidão de nascimento, por causa de um erro em uma letra do nome dela. Ao invés de Tárcia está escrito Tércia, e por essa razão uma filha dela não consegue se matricular na escola, viajar ou tirar algum documento.

A reportagem do Acorda Cidade tentou contato com a chefe do cartório, mas foi informada que ela não estava no momento. A equipe de reportagem não foi autorizada a entrar na área do cartório para tirar fotos ou conversar com outras pessoas. Os entrevistados desta matéria tiveram que ficar do lado externo do prédio dos cartórios para relatar a situação.
 

É muito importante a sua participação. Envie para nós a sua sugestão de correção.



É muito importante a sua participação. Em breve entraremos em contato.



Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Veja também

PodCast

Cartas para o Papai Noel dos Correios podem ser entregues até o dia 30 de novembro

mais podcast ›

Videos

Reforma trabalhista: Entenda as novas regras e formas de contratação